Busca avançada
Ano de início
Entree

Terapia de Uso Forçado modificada não aletra função motora do membro superior não parético

Processo: 13/08237-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de novembro de 2013
Vigência (Término): 31 de março de 2015
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Fisioterapia e Terapia Ocupacional
Pesquisador responsável:João Eduardo de Araujo
Beneficiário:Tamyris Padovani dos Santos
Instituição-sede: Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Assunto(s):Paresia   Acidente vascular cerebral

Resumo

O Acidente Vascular Encefálico (AVE) é definido pela Organização Mundial de Saúde como a presença de desorganização da atividade cerebral causando um grande impacto na qualidade de vida dos acometidos. Atualmente para a reabilitação do membro superior (MS) parético têm-se utilizado a terapia de uso forçado (TUF). Porém a literatura não existe relatos se ocorrem déficits funcionais no membro superior em constrição. Este estudo tem como objetivo verificar se existe prejuízo no MS em constrição após a aplicação da TUF, por 24 horas diárias, durante 4 semanas, através da avaliação com Eletromiografia de Superfície (EMG) e Dinamometria. Os pacientes serão randomizados em 2 grupos: TUF e o grupo controle que receberá tratamento fisioterapeutico convencional. As avaliações motoras serão realizadas antes (Inicio), com 2 semanas de intervenção (Intermediária), ao final (Final) e 3 meses após o término do tratamento (Seguimento). Os instrumentos de avaliação serão a National Institute of Health Stroke Scale, o Teste Motor Funcional de Wolf (Wolf Motor Functional Test) (WMFT), um Dinamômetro de Mão Digital e eletromiografia de superfície. Até o presente momento foi realizado a seleção dos pacientes e 11 pacientes já foram inseridos no protocolo de tratamento.

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
SANTOS, Tamyris Padovani dos. Terapia de uso forçado modificada não altera função motora do membro superior não parético. 2015. Dissertação de Mestrado - Universidade de São Paulo (USP). Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto Ribeirão Preto.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.