Busca avançada
Ano de início
Entree

Projeções de risco de produção de cana-de-açúcar no Estado de São Paulo baseados em cenários climáticos futuros

Processo: 13/16465-2
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2013
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2015
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Agronomia - Agrometeorologia
Pesquisador responsável:Fabio Ricardo Marin
Beneficiário:Helena Maria Soares Pinto
Instituição-sede: Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (ESALQ). Universidade de São Paulo (USP). Piracicaba , SP, Brasil
Assunto(s):Cana-de-açúcar   Modelagem   Mudança climática

Resumo

A cana-de-açúcar (Saccharum officinarum) é uma cultura de relevância socioeconômica para o Brasil, movimentando cerca de 80 bilhões de dólares por ano. O Estado de São Paulo é o maior produtor nacional de derivados de cana no país, beneficiado pela proximidade com o principal centro consumidor brasileiro e portos usados para exportação do açúcar e álcool. Entre 2003 e 2008, observou-se expansão da cana-de-açúcar para regiões onde os ambientes de produção são menos favoráveis. A gestão e o planejamento da expansão da cultura nessas novas áreas, além de envolver aspectos econômico-financeiros, ambientais e sociais, deve também levar em conta a produtividade atingível para a região e o risco de perda econômica associada à atividade. Neste sentido, a modelagem computacional é uma técnica popular em diversas áreas do conhecimento (Bezuidenhout e Baier, 2011) utilizada para produzir melhorias inovadoras e auxiliar na tomada de decisão. Os sistemas agrícolas por manterem dependência direta com as variáveis climáticas, poderão sofrer severas mudanças devido às alterações do clima (IPCC, 2007), que ocasionarão impactos que podem ter uma importância econômica e social que supera de longe sua probabilidade de ocorrência aparente (Thornton et al., 2009). Este cenário de maior fragilidade climática é especialmente importante para culturas com ciclos mais longos, mais expostas aos riscos climáticos, como é o caso da cana-de-açúcar (MARIN e NASSIF, 2013). A proposta deste projeto é avaliar o risco climático para a cultura da cana-de-açúcar, nas condições atuais e de mudanças climáticas, para a região produtora de cana-de-açúcar no Estado de São Paulo.

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
PINTO, Helena Maria Soares. Projeções de risco de produção de cana-de-açúcar no Estado de São Paulo baseadas em simulações multimodelos e cenários climáticos futuros. 2015. Dissertação de Mestrado - Universidade de São Paulo (USP). Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz Piracicaba.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.