Busca avançada
Ano de início
Entree

Fitotoxicidade e análise fitoquímica a partir de folhas de diferentes espécies de cerrado

Processo: 13/14413-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de novembro de 2013
Vigência (Término): 31 de março de 2015
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Botânica - Fisiologia Vegetal
Pesquisador responsável:Rosana Marta Kolb
Beneficiário:Graciele Fernanda de Souza Pinto
Instituição-sede: Faculdade de Ciências e Letras (FCL-ASSIS). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Assis. Assis , SP, Brasil
Assunto(s):Germinação   Fitoquímica   Ecofisiologia vegetal   Cerrado   Alelopatia

Resumo

A alelopatia é usualmente definida como qualquer processo que envolva a produção de metabólitos secundários, por plantas e/ou microrganismos, que influenciam o desenvolvimento de sistemas biológicos. Há uma imensa variedade de compostos com este tipo de atividade, sendo sua produção alterada por fatores ambientais. Este projeto objetiva avaliar a fitotoxidade do extrato aquoso das folhas de cinco espécies do Cerrado (Qualea cordata, Luehea candicans, Gochnatia polymorpha, Miconia chamissois e Byrsonima intermedia), coletadas em diferentes períodos do ano (estação seca e chuvosa), sobre a germinação e o desenvolvimento inicial de uma monocotiledônea, Zea mays L. (milho), e de uma eudicotiledônea, Cucumis sativus L. (pepino). Serão também realizadas análises fitoquímicas para determinação das principais classes químicas de metabólitos secundários presentes nas plantas, em ambas as estações do ano.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
DE SOUZA PINTO, GRACIELE FERNANDA; KOLB, ROSANA MARTA. Seasonality affects phytotoxic potential of five native species of Neotropical savanna. BOTANY, v. 94, n. 2, p. 81-89, FEB 2016. Citações Web of Science: 2.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.