Busca avançada
Ano de início
Entree

Padrão cardiorrespiratório e ciclo sono-vigília de ratos e ratas expostos à fluoxetina durante o período pré-natal

Processo: 13/18850-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Programa Capacitação - Treinamento Técnico
Vigência (Início): 01 de setembro de 2013
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2014
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Fisiologia - Fisiologia de Órgãos e Sistemas
Pesquisador responsável:Luciane Helena Gargaglioni Batalhão
Beneficiário:Mariane Cristine Vicente
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias (FCAV). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Jaboticabal. Jaboticabal , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:12/19966-0 - Padrão cardiorrespiratório e ciclo sono-vigília de ratos e ratas expostos à fluoxetina durante o período prenatal, AP.R
Assunto(s):Respiração (fisiologia)   Serotonina   Noradrenalina   Hipercapnia

Resumo

A serotonina (5-HT) e a noradrenalina (NE) são conhecidas por desempenharem funções críticas no neurodesenvolvimento, no controle cardiorrespiratório e no ciclo sono-vigília e essas funções podem ser sexo-específicas. A 5-HT está envolvida nos processos de maturação neuronial desde o estágio fetal, sendo um importante modulador do ritmo respiratório e os receptores serotoninérgicos 5-HT1A e 5-HT2A são encontrados nos neurônios respiratórios e têm participação fundamental neste processo, além de estarem relacionados com a resposta cardiorrespiratória à hipóxia e à hipercapnia. Exposição a inibidores de recaptação de serotonina (ISRSs) durante a fase fetal em ratos, resulta em efeitos comportamentais mantidos em longo prazo, e também em redução tanto na expressão de triptofano hidroxilase, enzima que sintetiza 5-HT, nos núcleos da rafe quanto redução do transportador de 5-HT (SERT) em fibras eferentes corticais provenientes da rafe. Essa exposição a ISRSs pode não somente aumentar a liberação de 5-HT dos neurônios da rafe, mas também diminuir a ativação dos neurônios noradrenérgicos do Locus coeruleus (NE-LC), uma vez que a 5-HT tem efeito inibidor sobre tais neurônios do LC. Portanto, o presente estudo tem como objetivo avaliar os efeitos a curto, médio e longo prazos (fases neonatal, jovem e adulto, respectivamente) de alterações dos sistemas serotononérgico e noradrenérgico, promovidas pela exposição a ISRSs na fase pré-natal, sobre o controle cardiorrespiratório e no estado sono-vigília em ratos. (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.