Busca avançada
Ano de início
Entree

Vitamina c na expressão gênica de marcadores de estresse oxidativo em queratinócitos primários cultivados de pacientes com queimadura.

Processo: 13/12126-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de novembro de 2013
Vigência (Término): 31 de outubro de 2014
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Cirurgia
Pesquisador responsável:Alfredo Gragnani Filho
Beneficiário:Murilo Henrique Dela Páscoa Toranzo
Instituição-sede: Escola Paulista de Medicina (EPM). Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus São Paulo. São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Cirurgia plástica   Queimaduras   Estresse oxidativo   Vitamina C   Expressão gênica

Resumo

CONTEXTO E OBJETIVO: Queimadura é um grande problema de saúde pública para o mundo. A resposta inicial à queimadura, mediada por neutrófilos ativados e produção de espécies reativas de oxigênio (EROs), é frequentemente associada com danos secundários a outros tecidos distantes do local lesado termicamente. Esse processo, chamado de estresse oxidativo, leva ao agravamento das condições do paciente queimado. As defesas antioxidantes são essenciais nessa situação, porém apresentam-se esgotadas, sendo assim necessária a suplementação de substâncias com essa propriedade. A vitamina C (ácido ascórbico) é um poderoso antioxidante no plasma humano, ao colaborar com a eliminação de EROs e proteger contra a peroxidação lipídica. Esse estudo tem como objetivo avaliar a ação da vitamina C na expressão de 84 genes relacionados com o estresse oxidativo em queratinócitos primários cultivados da pele de pacientes com queimadura. MÉTODOS: Serão incluídos 10 pacientes com grande queimadura e 5 pacientes hígidos sem queimadura no grupo controle. Os grupos de estudo serão divididos em: I - Cultura de queratinócitos de paciente com queimadura, meio de cultura suplementado com ácido ascórbico; II - Cultura de queratinócitos de paciente sem queimadura, meio de cultura suplementado com ácido ascórbico; III - Cultura de queratinócitos de paciente com queimadura, sem suplementação de ácido ascórbico; IV - Cultura de queratinócitos de paciente sem queimadura, sem suplementação de ácido ascórbico. A cultura será iniciada pelo método enzimático utilizando dispase e colagenase. Nos grupos de estudo que receberão suplementação com vitamina C será adicionado o Ascorbato de Sódio na concentração de 100 ¼M, após a primeira passagem, a cada troca de meio de cultura até atingir a sub-confluência. Serão analisados 84 genes marcadores de estresse oxidativo, do kit RT² Profiler" PCR Array Human Oxidative Stress. Os experimentos serão realizados em triplicata.