Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeitos da exenatida e da sitagliptina na periodontite induzida em ratos

Processo: 13/17747-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2013
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2014
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia - Periodontia
Pesquisador responsável:Ana Lia Anbinder
Beneficiário:Renata Mendonça Moraes
Instituição-sede: Instituto de Ciência e Tecnologia (ICT). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de São José dos Campos. São José dos Campos , SP, Brasil
Assunto(s):Patologia bucal   Diabetes mellitus   Incretinas   Periodontite

Resumo

A diabetes mellitus e a periodontite são patologias inflamatórias crônicas muito prevalentes e que se agravam mutuamente. As novas drogas para o tratamento da diabetes, os agonistas do peptídeo semelhante ao glucagon-1 (GLP-1) e os inibidores da enzima dipeptidil peptidase-4 (DPP-4) têm apresentado outros efeitos desvinculados do controle da glicemia, como estimulação da formação óssea, inibição da reabsorção óssea e características anti-inflamatórias. O objetivo deste trabalho é avaliar os efeitos do uso da exenatida (agonista do GLP-1) e as sitagliptina (inibidores da DPP-4) na periodontite induzida em ratos. Serão utilizados 40 ratos machos divididos em 4 grupos: grupo exenatida: tratado com 3µg/Kg/dia de exenatida por via subcutânea, grupo sitagliptina: tratado com 10 mg/Kg/ dia de sitagliptina por via oral, e grupos controles com e sem doença periodontal (tratados com os veículos de dissolução dos medicamentos). A indução da doença periodontal será realizada com a inserção de fio de algodão ao redor dos primeiros molares inferiores e será realizado o tratamento por 28 dias. No dia do sacrifício a gengiva ao redor do primeiro molar será removida para posterior análise de expressão gênica de SOST, RANKL, DPP-4, IL-1², COX-2, MMP-9, iNOS, OPG e OC. Após o sacrifício, as hemi-mandíbulas esquerdas serão submetidas à processamento histológico para análises histométricas (perda óssea alveolar na região de furca após coloração com hematoxilina e eosina, quantidade de colágeno gengival após coloração com picrossírius red, e relação RANKL/OPG após imuno-histoquímica). Os dados obtidos serão submetidos à análise estatística mais conveniente.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
MORAES, RENATA M.; LIMA, GABRIELA M. G.; OLIVEIRA, FELIPE E.; BRITO, ANA CAROLINA V.; PEREIRA, RODRIGO C.; OLIVEIRA, LUCIANE D.; BARROS, PATRICIA P.; FRANCO, GILSON C. N.; ANBINDER, ANA LIA. Exenatide and Sitagliptin Decrease Interleukin 1 beta, Matrix Metalloproteinase 9, and Nitric Oxide Synthase 2 Gene Expression But Does Not Reduce Alveolar Bone Loss in Rats With Periodontitis. Journal of Periodontology, v. 86, n. 11, p. 1287-1295, NOV 2015. Citações Web of Science: 6.
Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
MORAES, Renata Mendonça. Efeitos da Exenatida e da Sitagliptina durante a indução da periodontite em ratos. 2014. 81 f. Dissertação de Mestrado - Universidade Estadual Paulista "Julio de Mesquita Filho" Instituto de Ciência e Tecnologia..

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.