Busca avançada
Ano de início
Entree

Influência da hidroterapia sobre a função pulmonar, força muscular respiratória e mobilidade tóracoabdominal em mulheres com síndrome fibromiálgica

Processo: 13/16008-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2013
Vigência (Término): 31 de maio de 2015
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Fisioterapia e Terapia Ocupacional
Pesquisador responsável:Ester da Silva
Beneficiário:Meire Forti
Instituição-sede: Centro de Ciências Biológicas e da Saúde (CCBS). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:11/22122-5 - Estudo das adaptações biomecânicas, sensoriais, cardiorespiratórias e da qualidade de vida associadas à intervenção fisioterapêutica na síndrome fibromiálgica, AP.TEM
Assunto(s):Espirometria   Fibromialgia   Músculos respiratórios   Hidroterapia

Resumo

A síndrome fibromiálgica (SFM) está associada a uma variedade de sintomas além da dor musculoesquelética, como a fadiga e dispneia, os quais podem estar relacionados a alterações do sistema respiratório. A hidroterapia tem sido proposta como tratamento para SFM, entretanto são escassos na literatura estudos mostrando sua influência sobre o sistema respiratório em mulheres com SFM. Assim, o objetivo do presente estudo é investigar a influência da hidroterapia sobre a função pulmonar, força muscular respiratória e mobilidade tóracoabdominal em mulheres com SFM. Participarão do estudo mulheres com o diagnóstico de SFM, randomizadas em grupo treinado (GT) e controle (GC). As participantes serão submetidas à avaliação do limiar de dor à pressão, função pulmonar, pressões respiratórias máximas e mobilidade tóracoabdominal. Serão aplicados questionários para avaliar o nível de atividade física, o impacto da fibromialgia, a qualidade de vida, sintomas clínicos de depressão e ansiedade e a qualidade do sono. O GT será submetido a um programa de hidroterapia de 16 semanas, sendo 2 sessões semanais com 1 h de duração. Será testada a normalidade dos dados por meio do teste de Shapiro-Wilk (± = 5%) e a partir deste será determinado o melhor teste estatístico para análise dos dados.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
FORTI, MEIRE; ZAMUNER, ANTONIO R.; ANDRADE, CAROLINA P.; SILVA, ESTER. Lung Function, Respiratory Muscle Strength, and Thoracoabdominal Mobility in Women With Fibromyalgia Syndrome. Respiratory Care, v. 61, n. 10, p. 1384-1390, OCT 2016. Citações Web of Science: 5.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.