Busca avançada
Ano de início
Entree

Conversão do sexo do Aedes aegypti por transgenia

Processo: 13/16609-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2013
Vigência (Término): 30 de novembro de 2016
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Biologia Geral
Pesquisador responsável:Margareth de Lara Capurro-Guimarães
Beneficiário:Helena Rocha Corrêa de Araújo
Instituição-sede: Instituto de Ciências Biomédicas (ICB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Aedes aegypti   Embrião   Transgenia   Biologia molecular   Técnica do inseto estéril

Resumo

Ao considerar o programa de liberação de mosquitos, uma das primeiras questões a decidir é como eliminar as fêmeas. Um grande número de opções está disponível para aqueles que utilizam mosquitos transgênicos, mas as características inerentes às espécies-alvo oferecem possibilidades para o desenvolvimento de medidas provisórias, além de métodos mais eficientes. Diferenças no tamanho, comportamento e desenvolvimento entre fêmeas e machos podem ser utilizadas para a realização da sexagem. Entretanto, um sistema ideal de sexagem deve eliminar especificamente os embriões fêmeas através da utilização de algum tratamento que possa ser realizado durante a produção dos mosquitos em laboratório. Estes sistemas são mais eficientes do que aqueles que utilizam apenas as diferenças sexuais intrínsecas. Porém, eles precisam de marcadores genéticos selecionáveis ligados ao sexo criados por rearranjos cromossômicos aleatórios. As diferenças sexuais intrínsecas não devem ser consideradas como substitutos em longo prazo para os sistemas de sexagem mais robustos e eficientes. Na ausência destes, a acessibilidade e integração dos sistemas menos eficientes podem fornecer uma medida provisória que permite resultados rápidos, com um mínimo de investimento. O objetivo desse projeto é produzir linhagens transgênicas de Aedes aegypti que gerem apenas machos (GSS). Os componentes críticos dessa estratégia são as sequencias reguladores de genes embrionários (EZGs), a interferência por RNAi para gerar o silenciamento da via doublesex (Aedsx). A sequencia reguladora 3'UTR do SV40 com o sinal de poliadenilação será utilizada para estabilizar o transcrito. Além disso, o sistema de regulação Tet-On/Tet-Off será utilizado para produzir as colônias de laboratório.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
OLIVEIRA, FELIPE A. A.; BURI, MARCUS V.; RODRIGUEZ, BORIS L.; COSTA-DA-SILVA, ANDRE L.; ARAUJO, HELENA R. C.; CAPURRO, MARGARETH L.; LU, STEPHEN; TANAKA, APARECIDA S. The first characterization of a cystatin and a cathepsin L-like peptidase from Aedes aegypti and their possible role in DENV infection by the modulation of apoptosis. International Journal of Biological Macromolecules, v. 146, p. 141-149, MAR 1 2020. Citações Web of Science: 0.
CORREA DE ARAUJO, HELENA ROCHA; KOJIN, BIANCA BURINI; CAPURRO, MARGARETH LARA. Sex determination and Aedes population control. PARASITES & VECTORS, v. 11, n. 2 DEC 24 2018. Citações Web of Science: 1.
COSTA-DA-SILVA, ANDRE LUIS; IOSHINO, RAFAELLA SAYURI; CORREA DE ARAUJO, HELENA ROCHA; KOJIN, BIANCA BURINI; DE ANDRADE ZANOTTO, PAOLO MARINHO; LEAL OLIVEIRA, DANIELLE BRUNA; MELO, STELLA REZENDE; DURIGON, EDISON LUIZ; CAPURRO, MARGARETH LARA. Laboratory strains of Aedes aegypti are competent to Brazilian Zika virus. PLoS One, v. 12, n. 2 FEB 10 2017. Citações Web of Science: 17.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.