Busca avançada
Ano de início
Entree

Comparação do gasto energético de pacientes portadores de síndrome metabólica obtidos pelos métodos de calorimetria indireta e pelas fórmulas Harris & Benedict (1909), FAO/OMS (1985), DRI'S (2002) e Horie e col. (2011)

Processo: 13/01074-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2013
Vigência (Término): 30 de novembro de 2014
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Nutrição - Análise Nutricional de População
Pesquisador responsável:Rosa Ferreira dos Santos
Beneficiário:Jéssica Marina Rodrigues de Castro
Instituição-sede: Faculdade de Medicina (FM). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Síndrome metabólica   Calorimetria indireta   Metabolismo basal

Resumo

A Síndrome Metabólica (SM) é um transtorno complexo representado por um conjunto de fatores de risco cardiovascular relacionados à deposição central de gordura e à resistência à insulina. O aconselhamento dietético e alterações no estilo de vida são considerados terapias de primeira escolha para o tratamento dos pacientes. Para a intervenção dietética, deve-se estimar a Taxa Metabólica Basal e Total do paciente. São conhecidas, entretanto, divergências de resultados entre as fórmulas atualmente disponíveis na literatura. Dessa forma, o objetivo deste trabalho é a comparação dos resultados da estimativa da Taxa Metabólica de Repouso obtida pelas fórmulas de Harris & Benedict (1919), FAO/OMS (1985), DRI´s (2001) e Horie e col (2011) com os resultados da calorimetria indireta, considerada padrão ouro, a fim de conhecer qual delas refere melhor o resultado do gasto energético de pacientes portadores de SM, sendo fundamental a estimativa correta das necessidades para planejamento de perda de peso adequado. (AU)