Busca avançada
Ano de início
Entree

Reprodutibilidade de sistema semiautomático de mensuração radiográfica da silhueta cardíaca de cães

Processo: 13/21587-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de janeiro de 2014
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2014
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Medicina Veterinária - Clínica e Cirurgia Animal
Pesquisador responsável:Ana Carolina Brandão de Campos Fonseca Pinto
Beneficiário:Felype Fanti Sabino da Silva
Instituição-sede: Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia (FMVZ). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Diagnóstico por imagem   Reprodutibilidade   Cães

Resumo

É apresentada a proposta de um estudo do potencial de reprodutibilidade de sistema semiautomático de mensuração radiográfica. Para tanto serão mensurados por intermédio de um programa computacional o Vertebral Heart Size (VHS), o ângulo formado entre o esterno e o eixo maior do coração (ângulo) e a área cardíaca normalizada (ACN) em imagens radiográficas de cães da raça Poodle clinicamente normais e portadores de insuficiência valvar mitral. Dada a subjetividade da análise da silhueta cardíaca por diferentes observadores, acredita-se que mesmo com um sistema semiautomático essa avaliação poderia ser afetada pela experiência prévia do observador na área de radiodiagnóstico. Faz-se necessário, portanto, um estudo para avaliar se este método é realmente afetado pela experiência do observador ou não. Para isto, serão analisadas 57 imagens radiográficas do tórax dos cães atendidos no Hospital Veterinário (HOVET) da Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia da Universidade de São Paulo (FMVZ-USP) entre os anos de 2009 e 2011. Os animais serão alocados em dois grupos: (I)estruturas cardiopulmonares normais (n = 18) e (II) portadores de cardiopatia (n = 39) confirmada pelo ecocardiograma como sendo insuficiência valvar mitral. As imagens serão analisadas por dois grupos de observadores com diferentes níveis de experiência em radiodiagnóstico: (A) com experiência em Diagnóstico por Imagem (n = 2) e (B) sem experiência em Diagnóstico por Imagem (n = 2). A conclusão deste estudo permitirá averiguar a concordância intra e interobservador do sistema semiautomático de mensuração da silhueta cardíaca considerando-se diferentes graus de experiência dos avaliadores.

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.