Busca avançada
Ano de início
Entree

Produção de ramnolipídios por mutantes de Pseudomonas aeruginosa (rhlG e 2 A1)

Processo: 13/20279-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de novembro de 2013
Vigência (Término): 30 de abril de 2016
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Microbiologia - Microbiologia Aplicada
Pesquisador responsável:Roberta Barros Lovaglio
Beneficiário:Graziela de Oliveira Teixeira Balieiro
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Rio Claro. Rio Claro , SP, Brasil
Assunto(s):Microbiologia industrial   Biossurfactantes   Ramnolipídeo   Pseudomonas aeruginosa   Mutação

Resumo

Apesar das inúmeras vantagens dos biossurfactantes, como baixa toxicidade, biodegradabilidade e alta estabilidade, estes compostos não são amplamente utilizados, devido ao alto custo de produção. A aplicação de fontes de carbono alternativas pode contribuir para a redução dos custos de produção e ampliação do uso comercial dos biossurfactantes. Além disso, o entendimento dos genes envolvidos na biossíntese do tensoativo auxilia na compreensão e o desenvolvimento de ferramentas que acarrete em aumento da produção dos ramnolipídios. Por isso o presente estudo visa estudar a relação do gene rhlG com a produção de ramnolipídios e ainda avaliar se há diferença na metabolização de fontes de carbono hidrofílica e hidrofóbicas em mutantes deletados no gene supracitado. Outro ponto a ser avaliado é o potencial do glicerol de Biodiesel como fonte de carbono para a produção deste tensoativo por P. aeruginosa LBI 2A1.