Busca avançada
Ano de início
Entree

Aplicação localizada de fertilizantes amoniacais como estratégia para melhorar a eficiência do uso do fósforo em milho.

Processo: 13/18870-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2013
Vigência (Término): 31 de janeiro de 2017
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Agronomia - Fitotecnia
Pesquisador responsável:Ciro Antonio Rosolem
Beneficiário:Elialdo Alves de Souza
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Agronômicas (FCA). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):15/12399-0 - Mecanismos fisiológicos e morfológicos que explicam a relação entre a forma do nitrogênio e a eficiência de uso do fósforo, BE.EP.DR
Assunto(s):Rizosfera   Pedologia   Milho   Fósforo

Resumo

A aplicação de N-amoniacal pode aumentar a eficiência de uso do fósforo (EUP) e, consequentemente, garantir maior retorno econômico na agricultura, especialmente em regiões tropicais e subtropicais, com solos ácidos capazes de indisponibilizar esse elemento. O presente trabalho tem por objetivo estudar o impacto do N-amoniacal sobre o aproveitamento do P, as condições bioquímicas da rizosfera e a produtividade na cultura do milho. O primeiro experimento será em casa de vegetação, onde serão semeadas plantas de milho em Plant Growth Containeres (PGCs) (20 cm de diâmetro e 30 cm de profundidade) com solo previamente adubado. Os tratamentos consistirão de fontes de N (Sulfato de Amônio e Nitrato de Amônio), com nitrapirina (IN), combinadas com cinco doses de P (0, 40, 80, 120 e 160 mg kg-1) em um esquema fatorial 2x5+1, com dez repetições. O segundo experimento será realizado em campo, com cinco repetições e oito tratamentos: duas fontes de N (Sulfato de Amônio e Nitrato de Cálcio), com nitrapirina (IN), combinadas com quatro doses de P (0, 30, 60 e 90 kg ha-1), em um esquema fatorial 2x4+1. O estudo rizosférico será feito com o uso de RSCs (Rhizosphere Study Containers) de 10 cm de profundidade de 10 cm de diâmetro. Aos 30 dias e na colheita as plantas serão coletadas e serão determinados: produtividade; matéria seca; teores totais de P e N; acúmulo total de P e N; eficiência de recuperação do P. Os compartimentos inferiores dos PGCs e dos RSCs serão removidos e os solos fatiados nas profundidades de 0-0,5, 0,5-1,0, 1,0-2,0, 2,0-3.0, 3,0-4,0, 4,0-5,0, e 5,0-10,0 mm. Em seguida, será feito o fracionamento químico do P, as concentrações de amônio e nitrato, pH, atividade da fosfatase ácida, biomassa microbiana, carbono solúvel em água e a atividade da PM H+-ATPase.

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
SOUZA, Elialdo Alves de. Aplicação de fertilizante amoniacal como estratégia para melhorar a eficiência de uso do fósforo em milho. 2017. Tese de Doutorado - Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" Faculdade de Ciências Agronômicas (Campus de Botucatu)..

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.