Busca avançada
Ano de início
Entree

Buscando novas terapias para a resistência à insulina: desenvolvimento de uma plataforma para screening de drogas e ensaio pré-clínico in vivo

Processo: 13/15825-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2013
Vigência (Término): 31 de julho de 2015
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Bioquímica - Metabolismo e Bioenergética
Pesquisador responsável:William Tadeu Lara Festuccia
Beneficiário:Alex Shimura Yamashita
Instituição-sede: Instituto de Ciências Biomédicas (ICB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:09/15354-7 - Envolvimento do tecido adiposo no desenvolvimento da obesidade e patologias associadas: investigação dos mecanismos moleculares e busca de novas alternativas terapêuticas, AP.JP
Bolsa(s) vinculada(s):15/05828-2 - Targeting IDH1R132H mutation in glioblastoma multiforme, BE.EP.PD
Assunto(s):Sistema musculoesquelético   Músculo esquelético   Resistência à insulina   Obesidade

Resumo

O crescimento da obesidade nas últimas décadas têm como principal consequência o aumento da incidência de diversas doenças diretamente associadas ao excesso de massa adiposa, tais como a resistência à insulina e o Diabetes do Tipo 2. Apesar dos recentes avanços na compreensão dos mecanismos moleculares envolvidos na resistência à insulina, poucas alternativas farmacológicas estão disponíveis para a prevenção e tratamento dessa patologia. Recentemente, a criação de repositórios e plataformas de screening de drogas em larga escala aceleraram a descoberta de novas terapias para uma ampla variedade de doenças. Considerando a necessidade de terapias mais eficazes no tratamento da resistência a insulina, o objetivo do presente projeto é desenvolver uma plataforma para o screening em larga escala de drogas, buscando a identificação de moléculas que melhorem a sensibilidade e a captação de glicose induzida pela insulina em linhagem de músculo esquelético (L6). Para tanto, testaremos 727 drogas aprovadas para o uso clínico pelo FDA (do inglês, US Food and Drug Administration) no tratamento de diversas doenças como câncer, doenças cardiovasculares e renais, derivadas de bibliotecas do NIH (National Institue of Heath), na tentativa de identificar drogas que atenuem a resistência à insulina em células L6 induzida pela ativação com de TNF-± e dexametasona in vitro. Colocamos atenção especial em bibliotecas com drogas que estão em uso clínico e que abrangem uma grande diversidade de eventos biológicos para acelerar o processo translacional. As drogas que aumentarem a sensibilidade à insulina na linhagem L6 serão validadas no secondary screening, no qual avaliaremos a viabilidade celular, concentração molar que produza 50% da captação máxima de glicose (EC50) e, posteriormente, avaliaremos o efeito da droga em linhagem celular de adipócito. Além disso, avaliaremos o efeito das potênciais drogas na via de transdução de sinal da insulina e a expressão de citocinas inflamatórias em células L6. Finalmente, testaremos a eficácia das drogas em modelo pré-clínico in vivo na sensibilidade à insulina, na transdução de sinal da insulina e na expressão de citocinas inflamatórias no músculo esquelético.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
YAMASHITA, ALEX S.; BELCHIOR, THIAGO; LIRA, FABIO S.; BISHOP, NICOLETTE C.; WESSNER, BARBARA; ROSA, JOSE C.; FESTUCCIA, WILLIAM T. Regulation of Metabolic Disease-Associated Inflammation by Nutrient Sensors. Mediators of Inflammation, 2018. Citações Web of Science: 7.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.