Busca avançada
Ano de início
Entree

Função anti-inflamatória da apolipoproteína A-IV no diabete melito e seu reflexo sobre o transporte reverso de colesterol de macrófagos: influência da modificação por glicação avançada

Processo: 13/23392-1
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de abril de 2014
Vigência (Término): 31 de março de 2015
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Clínica Médica
Pesquisador responsável:Marisa Passarelli
Beneficiário:Ligia Shimabukuro Okuda
Supervisor no Exterior: Kerry-Anne Rye
Instituição-sede: Faculdade de Medicina (FM). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Local de pesquisa : University of New South Wales (UNSW), Austrália  
Vinculado à bolsa:13/02854-7 - Função anti-inflamatória da apolipoproteína A-IV no diabete melito e seu reflexo sobre o transporte reverso de colesterol de macrófagos: influência da modificação por glicação avançada, BP.PD
Assunto(s):Inflamação   Aterosclerose   Diabetes mellitus   Apolipoproteínas

Resumo

A relação inversa entre HDL-colesterol e doença cardiovascular é bem estabelecida por estudos epidemiológicos. Por outro lado, ensaios clínicos e estudos genéticos recentes têm falhado em demonstrar benefícios cardiovasculares advindos do aumento da concentração plasmática de HDL-colesterol. Isto pode estar relacionado com a grande heterogeneidade da partícula de HDL em relação a tamanho, composição e pela perda parcial de sua função. Recentemente, a análise do proteoma da HDL evidenciou um perfil diferente na doença cardiovascular, em especial, pela redução da apoA-IV. Assim como a apoA-I, a apoA-IV apresenta propriedades anti-inflamatórias e exerce papel antiaterogênico por diferentes mecanismos. No diabete melito, a modificação da apoA-I por produtos de glicação avançada (AGE) modifica suas propriedades biológicas e reduz sua capacidade de inibir a inflamação, oxidação e de estimular o efluxo de colesterol. Recentemente, nosso grupo demonstrou que a glicação avançada sensibiliza macrófagos à inflamação induzida por calgranulinas e lipopolissacarídeo (LPS) o que prejudica o efluxo de colesterol de macrófagos, pela redução na expressão do receptor de HDL, ABCA-1. Além disso, na presença de AGE, a HDL não é capaz de prevenir a secreção de mediadores inflamatórios por macrófagos. Nossa proposta é analisar a propriedade anti-inflamatória da apoA-IV no diabete melito, especialmente a influência da glicação avançada e como isso pode impactar o transporte reverso de colesterol de macrófagos. Para isso, apoA-IV será isolada do plasma de pacientes diabéticos com controle glicêmico adequado e inadequado e de indivíduos controles saudáveis. Além disso, apoA-IV recombinante será produzida pela E coli e submetida a glicação in vitro. Macrófagos do peritônio de camundongos e células endoteliais da coronária humana (HCAECs) serão tratadas com diferentes os tipos de apoA-IV e, posteriormente, expostas ao LPS. O meio condicionado será coletado para medir a produção de citocinas inflamatórias e moléculas de adesão e para tratar macrófagos não estimulados, previamente enriquecidos com colesterol e 14C-colesterol, para avaliar o efluxo de colesterol mediado por apoA-I. Nas células, serão determinados: mRNA de mediadores inflamatórios e do NF-kB e a expressão dos receptores de HDL (ABCA1 e ABCG1). Os resultados irão ajudar a elucidar o papel antiaterogênico da apoA-IV, como essa função pode ser prejudicada pela glicação avançada presente no diabete melito e como pode ser melhorada pelo controle glicêmico adequado. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
GOMES, DIEGO JUVENAL; VELOSA, ANA PAULA; OKUDA, LIGIA SHIMABUKURO; FUSCO, FERNANDA BUENO; DA SILVA, KAROLINNE SANTANA; PINTO, PAULA RAMOS; NAKANDAKARE, EDNA REGINA; CORREA-GIANNELLA, MARIA LUCIA; WOODS, TOM; BRIMBLE, MARGARET ANNE; PICKFORD, RUSSELL; RYE, KERRY-ANNE; TEODORO, WALCY ROSOLIA; CATANOZI, SERGIO; PASSARELLI, MARISA. Glycated albumin induces lipid infiltration in mice aorta independently of DM and RAS local modulation by inducing lipid peroxidation and inflammation. JOURNAL OF DIABETES AND ITS COMPLICATIONS, v. 30, n. 8, p. 1614-1621, NOV-DEC 2016. Citações Web of Science: 3.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.