Busca avançada
Ano de início
Entree

Phrases in noise test (PINT): adaptação cultural para o português brasileiro e aplicabilidade na avaliação do sistema de frequência modulada (FM)

Processo: 13/10283-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de janeiro de 2014
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2015
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Fonoaudiologia
Pesquisador responsável:Regina Tangerino de Souza Jacob
Beneficiário:Larissa Germiniani dos Santos
Instituição-sede: Faculdade de Odontologia de Bauru (FOB). Universidade de São Paulo (USP). Bauru , SP, Brasil
Assunto(s):Percepção da fala   Pessoas com deficiência auditiva   Audiologia educacional

Resumo

Avaliar as habilidades comunicativas e auditivas de crianças com deficiência auditiva é de extrema importância, visto que é indispensável o acompanhamento do desenvolvimento da audição para verificação e planejamento do processo de (re) habilitação auditiva. No cenário nacional não há teste padronizado para a avaliação da percepção da fala no ruído para aplicação em crianças. Assim, este trabalho propõe a adaptação cultural para o Português Brasileiro do teste Phrases in noise test (PINT) (Schafer et al, 2005, 2006, 2012), que avalia a habilidade de reconhecimento de frases e ordens simples no ruído e verificar sua aplicabilidade na avaliação de benefício dos Sistemas de Frequência Modulada em crianças até cinco anos de idade. A motivação para este trabalho é a de contribuir para o aprimoramento de protocolos para avaliação das habilidades auditivas da criança com deficiência auditiva, principalmente as usuárias do Sistema de Frequência Modulada.

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
SANTOS, Larissa Germiniani dos. Phrases in Noise Test (PINT): adaptação cultural para o português brasileiro e aplicabilidade na avaliação do sistema de frequência modulada. 2015. Dissertação de Mestrado - Universidade de São Paulo (USP). Faculdade de Odontologia de Bauru Bauru.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.