Busca avançada
Ano de início
Entree

Investigação do papel dos fatores sigma de função extracitoplasmática (ECF) SigX e PA14_21550 em Pseudomonas aeruginosa

Processo: 13/21597-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de março de 2014
Vigência (Término): 31 de agosto de 2017
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Genética - Genética Molecular e de Microorganismos
Pesquisador responsável:Regina Lúcia Baldini
Beneficiário:Ana Laura Boechat Borges
Instituição-sede: Instituto de Química (IQ). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Pseudomonas aeruginosa   Regulação da expressão gênica

Resumo

A gama-proteobactéria Pseudomonas aeruginosa é rica em sistemas regulatórios e capaz de colonizar distintos ambientes e hospedeiros, incluindo humanos imunocomprometidos. É de difícil erradicação, devido à alta resistência intrínseca a antibióticos e capacidade de crescimento em forma de biofilme. Essa bactéria pode direcionar sua expressão gênica por meio de fatores sigma alternativos, entre eles cerca de 20 fatores sigma ECF, importantes na detecção e resposta aos sinais ambientais. Neste trabalho, pretende-se compreender a função do fator sigma ECF SigX na fisiologia de P. aeruginosa, assim como sua relação com outros dois fatores sigma: o possível sigma ECF PA14_21550, um dos alvos de SigX, e RpoS, o fator sigma de fase estacionária, que tem papel na regulação da transcrição de sigX, caracterizando uma cascata de regulação de fatores sigma. Culturas superexpressando Sigx apresentam curva de crescimento bifásica e indução das enzimas da via de biossíntese de ácidos graxos, acompanhada de maior fluidez de membrana e maior resistência a choque frio e sensibilidade a alta temperatura. Os níveis elevados de SigX na superexpressão são regulados ao longo da curva de crescimento por um ou mais reguladores ainda desconhecidos. Este projeto também visa a caracterização desse(s) regulador(es), supostamente proteases, a partir de mutantes da biblioteca de transposon PA14NR. As funções fisiológicas de SigX e PA14_21550 e de seus potenciais antissigmas cognatos serão investigadas após a construção de mutantes para os genes que os codificam e ensaios em variadas condições ambientais e de estresse. Os regulons desses fatores sigma ECF serão determinados por análise transcriptômica, via sequenciamento de RNA. Essa técnica será padronizada para uso com P. aeruginosa e constituirá uma nova e eficiente ferramenta de análise de expressão gênica que poderá ser usada em diversos outros projetos do nosso grupo, gerando uma quantidade robusta de conhecimento acerca da regulação gênica desse importante e versátil patógeno oportunista.

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.