Busca avançada
Ano de início
Entree

Desenvolvimento de um sistema de medida de campo elétrico para a avaliação da detecção dos raios em conjunto com as câmeras de alta velocidade

Processo: 13/22951-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Programa Capacitação - Treinamento Técnico
Vigência (Início): 01 de janeiro de 2014
Vigência (Término): 30 de novembro de 2014
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Geociências - Geofísica
Pesquisador responsável:Osmar Pinto Junior
Beneficiário:Matheus Mascarenhas
Instituição-sede: Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE). Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (Brasil). São José dos Campos , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:08/56711-4 - Detecção de sinais de variabilidade relacionados a mudanças climáticas na incidência de descargas atmosféricas no Brasil, AP.TEM
Assunto(s):Relâmpago   Descarga elétrica   Câmeras de precisão

Resumo

O uso de câmeras de alta velocidade foi proposto pelo projeto temático 08/56711-4, que compreendia a observação de raios para validação da rede brasileira de detecção de descargas atmosféricas (BrasilDAT). Através do subprojeto (SP04) "Avaliação detalhada das características do desempenho das novas redes de monitoramento de descargas" pretende-se observar com detalhes a avaliação da RINDAT e da nova configuração da BrasilDAT no estado de S. Paulo. Esta avaliação já está sendo feita através do uso de câmeras de alta velocidade. Estas câmeras tem observado a ocorrência das descargas em objetos de localização conhecida (prédios, torres de telecomunicação, celular e TV) para a estimativa da acurácia da localização das redes de detecção. A comparação dos raios (e descargas constituintes) observados pelas câmeras permite, por sua vez, o cálculo da eficiência de detecção das mesmas redes. No entanto para uma análise do fator que gera uma boa ou má eficiência de detecção é desejável que seja adquirido o campo elétrico da descarga e a sua análise. Como a detecção das descargas pelas redes se dá conforme a forma de onda do campo elétrico/magnético gerado pretendemos através da análise do campo elétrico (similar ao magnético quando a distância é grande o suficiente) aferir a causa de falhas de detecção e/ou localização que tem sido comuns. A análise do processo de detecção para descargas simultaneamente observadas pelas câmeras de alta velocidade e pelos sensores de campo elétrico (a serem desenvolvidos pelo candidato a esta bolsa) permitirá um posterior ajuste nas redes de detecção para melhorar a sua eficiência de detecção e localização. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)