Busca avançada
Ano de início
Entree

Epidemia de ferrugem causada por Puccinia psidii em monocultivo de Eucalyptus grandis x E. urophylla e em plantios consorciados com Acacia mangium

Processo: 13/10700-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de janeiro de 2014
Vigência (Término): 01 de agosto de 2014
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Recursos Florestais e Engenharia Florestal - Manejo Florestal
Pesquisador responsável:Edson Luiz Furtado
Beneficiário:Cristiane de Pieri
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Agronômicas (FCA). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Assunto(s):Eucalipto   Ferrugem (doença de planta)   Doenças de plantas

Resumo

A cultura do eucalipto é uma das mais importantes do Brasil, constituindo-se em fonte de energia e madeira renovável, além de importantes processos agroindustriais para produção de celulose, papel entre outros. O eucalipto, como outras espécies vegetais, é infectado por uma diversidade de patógenos, principalmente fungos, desde o viveiro até plantios adultos em plantios uniformes e monoclonais. Em situação de monocultivo, espécies de eucalipto suscetíveis aos propágulos de Puccinia psidii, provenientes de espécies de mirtáceas hospedeiras, quando atingem os plantios podem causar a exodemia. Após esse evento, os esporos produzidos em pústulas são disseminados e se depositam no mesmo hospedeiro ou em outro hospedeiro ao redor, onde germinarão, penetrarão, colonizarão o tecido, formando novas lesões e infecções de caráter contínuo (endodemia). Dessa forma, espera-se que o eucalipto em plantios consorciados com essas espécies não hospedeiras, estas possam atuar diluindo o inóculo, como barreira física à disseminação das estruturas reprodutivas do referido patógeno. Por outro lado, outras interações benéficas poderão ser estudadas no nível nutricional, pois aspectos positivos poderão ocorrer para o eucalipto, em função de a espécie consorciada ser uma leguminosa que, em associação com bactérias fixadoras de nitrogênio podem melhorar o solo, fornecendo nutrientes às plantas de eucalipto. Desse modo, o objetivo geral desta pesquisa é averiguar se o efeito da associação de Eucalyptus grandis x E. urophylla e Acacia mangium sobre a ocorrência e/ou a intensidade de P. psidii, patógeno causador da ferrugem das mirtáceas, em florestas de eucalipto e, o efeito nutricional relacionando tanto o plantio consorciado como a intensidade da doença. (AU)

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
PIERI, Cristiane de. Progresso da ferrugem (puccinia psidii) em monocultivo de Eucalyptus grandis x Eucalyptus urophylla e em plantios consorciados com Acacia mangium. 2016. 98 f. Tese de Doutorado - Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" Faculdade de Ciências Agronômicas (Campus de Botucatu)..

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.