Busca avançada
Ano de início
Entree

O papel das células epiteliais brônquicas em modelos experimentais de asma

Processo: 13/23763-0
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Mestrado
Vigência (Início): 01 de maio de 2014
Vigência (Término): 31 de outubro de 2014
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Clínica Médica
Pesquisador responsável:Rodolfo de Paula Vieira
Beneficiário:Flavia Regina Greiffo
Supervisor no Exterior: Oliver Eickelberg
Instituição-sede: Universidade Nove de Julho (UNINOVE). Campus Vergueiro. São Paulo , SP, Brasil
Local de pesquisa : Ludwig Maximilian University of Munich (LMU Munich), Alemanha  
Vinculado à bolsa:12/23305-9 - Efeitos do treinamento físico aeróbio na inflamação pulmonar alérgica crônica em camundongos: papel da sinalização purinérgica, BP.MS
Assunto(s):Pneumologia   Asma   Nucleotídeos   Cultura de células   Receptores purinérgicos

Resumo

A asma é uma doença caracterizada por limitação reversível do fluxo aéreo, inflamação crônica e remodelamento das vias aéreas. O epitélio das vias aéreas não são somente uma barreira física das vias aéreas, mas participam ativamente da patogênesis, do processo inflamatório e do remodelamento na asma. Inúmeros mediadores inflamatórios estão envolvidos na resposta asmática. Neste sentido, a sinalização purinérgica tem emergido como uma importante via da modulação da resposta celular e molecular na fisiopatologia da asma, através da liberaçao de nucleotídeos, levando a ativação de receptores purinérgicos. Um crescente número de estudos têm demonstrado o papel da sinalização purinérgica nas células do sistema hematopoiético na asma (por exemplo, eosinófilos, linfócitos T e células dendríticas). Entretanto, somente um estudo demonstrou que a sinalização purinérgica (uridina difosfato via receptor P2Y6) também modula a resposta asmática através da ativação do epitélio brônquico. Portnato, o presente estudo objetiva avaliar o papel dos receptores P2Y2 e P2X7 na ativação epitelial na resposta asmática. Então, células primárias do epitélio brônquico serão isoladas e cultivadas em um sistema de interface ar/líquido e serão estimuladas com ácaro de poeira doméstica (dermatofagóides pteronyssinus) no contexto da co-estimulação com agonistas e antagonistas dos receptores P2Y2 e P2X7. Após a estimulação das células, o sobrenadante será coletado para a medida de citocinas e fatores de crescimento e as células serão lisadas para extração de proteínas para avaliação da expressão dos receptores purinérgicos P2Y2 e P2X7 através da técnica de western blotting. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
ALBERCA-CUSTODIO, RICARDO WESLEY; GREIFFO, FLAVIA REGINA; MACKENZIE, BREANNE; OLIVEIRA-JUNIOR, MANOEL CARNEIRO; ANDRADE-SOUSA, ADILSON SANTOS; GRAUDENZ, GUSTAVO SILVEIRA; GOMES SANTOS, ANGELA BATISTA; DAMACENO-RODRIGUES, NILSA REGINA; CASTRO-FARIA-NETO, HUGO CAIRE; ARANTES-COSTA, FERNANDA MAGALHAES; MARTINS, MILTON DE ARRUDA; ABBASI, ASGHAR; LIN, CHIN JIA; IDZKO, MARCO; LIGEIRO OLIVEIRA, ANA PAULA; NORTHOFF, HINNAK; VIEIRA, RODOLFO PAULA. Aerobic Exercise Reduces Asthma Phenotype by Modulation of the Leukotriene Pathway. FRONTIERS IN IMMUNOLOGY, v. 7, JUN 14 2016. Citações Web of Science: 9.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.