Busca avançada
Ano de início
Entree

Papel da sinalização via Notch na modulação da resposta imune na doença periodontal induzida por LPS em camundongos

Processo: 13/19160-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de fevereiro de 2014
Vigência (Término): 31 de janeiro de 2015
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia - Periodontia
Pesquisador responsável:Sabrina Garcia de Aquino
Beneficiário:Camila Luiz Jabr
Instituição-sede: Faculdade de Odontologia (FOAr). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Araraquara. Araraquara , SP, Brasil
Assunto(s):Doenças periodontais   Lipopolissacarídeos   Camundongos

Resumo

As doenças periodontais representam um modelo para o estudo de condições inflamatórias crônicas, em especial de interações microbiota-hospedeiro. Nas doenças periodontais, a destruição dos tecidos do hospedeiro é mediada, em sua maior parte, por citocinas e outros mediadores biológicos produzidos pelo próprio hospedeiro, com participação especialmente importante de células da resposta imune inata e adaptativa. A expressão destes mediadores inflamatórios é um processo estritamente controlado que, apesar de poder ser induzido por diferentes estímulos externos atuando em diversos receptores, requer a ativação de um número relativamente pequeno de vias de sinalização intracelular. O entendimento do papel das vias de sinalização intracelular na regulação da resposta imune pode proporcionar novas estratégias terapêuticas para modulação da resposta do hospedeiro de forma global, mais vantajosa que uma abordagem baseada na inibição de uma citocina-alvo específica, considerando-se o papel redundante e compensatório destes mediadores. O papel da via de sinalização Notch na patogênese das doenças periodontais é pouco conhecido e, embora seja uma via relacionada originalmente com o desenvolvimento embrionário e processos como proliferação e apoptose, também tem importante função na regulação da resposta imune inata e adaptativa e homeostasia do tecido ósseo. Assim, a hipótese principal é de que a modulação da atividade da via Notch pode ter importante efeito na destruição de tecidos mineralizados e não-mineralizados associada à progressão das doenças periodontais. Destaco que o projeto de iniciação proposto é complementar ao projeto de pós doutorado financiado pela FAPESP (2011/23136-0) e tem como intuito expandir as informações geradas no projeto já em andamento. Assim, o presente projeto tem como objetivo auxiliar na determinação do efeito da modulação da sinalização via Notch na modulação da resposta imune adaptativa e na homeostasia do tecido ósseo na doença periodontal experimental.

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.