Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação dos efeitos do reflorestamento da zona ripária de riachos na qualidade da água e comunidades de macroinvertebrados aquáticos

Processo: 13/19950-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de março de 2014
Vigência (Término): 31 de maio de 2016
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Ecologia - Ecologia de Ecossistemas
Pesquisador responsável:Marcel Okamoto Tanaka
Beneficiário:Rogério Aparecido Libório
Instituição-sede: Centro de Ciências Biológicas e da Saúde (CCBS). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos , SP, Brasil
Assunto(s):Qualidade da água   Restauração ecológica

Resumo

A degradação e conversão de grandes áreas florestadas para as atividades antrópicas é a principal causa do desmatamento de zonas ripárias que, consequentemente, diminui a qualidade da água e a diversidade biológica. Diante do atual estado de degradação da maioria dos riachos, medidas urgentes de restauração têm sido mundialmente recomendadas. No Brasil, a recuperação de áreas degradadas tem envolvido pesquisadores, órgãos do governo e organizações não governamentais na sua elaboração. Entre as estratégias, está o reflorestamento da zona ripária, recomendada como a melhor forma de proteção dos recursos hídricos e recuperação da biodiversidade. Entretanto, ainda sabemos muito pouco sobre os efeitos de tais estratégias na recuperação da qualidade da água de riachos e de suas comunidades aquáticas; por isso mais estudos visando o monitoramento e avaliações dessas áreas são necessários. Portanto, esse projeto pretende avaliar os efeitos do reflorestamento de zonas ripárias na qualidade da água, nas características físicas do riacho e nas comunidades de macroinvertebrados aquáticos. Para isso, serão amostrados trechos pareados, a montante e no interior das áreas reflorestadas, ao longo de um riacho localizado numa paisagem rural fortemente modificada por atividades antrópicas no noroeste de estado de São Paulo. Os resultados deste estudo permitirão a melhor compreensão dos efeitos da restauração da vegetação ripária na qualidade da água e recuperação de comunidades biológica nos riachos, e assim contribuir para implantação de projetos futuros e para o melhor gerenciamento dos recursos hídricos.

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.