Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeito de inibidores proteolíticos na adesão de dentina desmineralizada artificialmente por cárie ou erosão

Processo: 13/12203-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de março de 2014
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2015
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia - Materiais Odontológicos
Pesquisador responsável:Linda Wang
Beneficiário:Marina Ciccone Giacomini Belei
Instituição-sede: Faculdade de Odontologia de Bauru (FOB). Universidade de São Paulo (USP). Bauru , SP, Brasil
Assunto(s):Inibidores enzimáticos   Resistência de união (odontologia)   Cárie dentária   Erosão dentária   Dentística

Resumo

Na terapêutica restauradora, os procedimentos adesivos representam parte fundamental no estabelecimento da camada híbrida, cuja longevidade depende de fatores relacionados às propriedades dos materiais empregados e da sua interação com os substratos dentários ao longo do tempo. Estudos mostram que as enzimas proteolíticas intrínsecas da dentina como as metaloproteinases da matriz (MMPs) e as cisteínas catepsinas, presentes no complexo dentinho-pulpar, podem ser reativadas pelo baixo pH, in situações como a cárie dentária e o processo erosivo. O objetivo desde trabalho é avaliar o desempenho de um sistema adesivo restaurador universal (modo convencional) na adesão à dentina em diferentes condições (artificialmente cariada ou erodida) e pré-tratadas com inibidores proteolíticos. Noventa molares hígidos serão selecionados e preparados com superfícies planas e tratadas com lixa 600 por 1 minuto. Os espécimes serão aleatoriamente divididos em três grupos iniciais, de acordo com o substrato: CONT- sem simulação de desafio áciod; CA- simulação de cárie artificial e E- simulação de erosão. Em seguida, cada um desses grupos será redividido em três subgrupos, de acordo com o pré tratamento da dentina: A- tratado com água; CHX- tratado com clorexidina e E64- tratado com o inibidor E64. Sendo assim, formar-se-ão, 9 grupos (n=10): CONT-A, CONT-CHX, CONT-E64, CA-A, CA-CHX, CA-E64, E-A, E-CHX, E-E64. Todos os espécimes serão restaurados com adesivo Single Bond Universal® e com resina composta Filtek Z250. Os dentes serão cortados para a obtenção dos palitos (área de 0,64mm2 aproximadamente), que serão submetidos ao ensaio em máquina de teste a 0,5mm/min. O modo de fratura será classificado de acordo com a análise das interfaces com microscopia ótica 40X. Os dados serão submetidos ao teste de normalidade e homogeneidade a fim de serem analisados por ANOVA e teste de análise de comparação múltipla (p<0,05).

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
GIACOMINI, M. C.; SCAFFA, P. M. C.; CHAVES, L. P.; VIDAL, C. M. P.; MACHADO, T. N.; HONORIO, H. M.; TJADERHANE, L.; WANG, L. Role of Proteolytic Enzyme Inhibitors on Carious and Eroded Dentin Associated With a Universal Bonding System. Operative Dentistry, v. 42, n. 6, p. E188-E196, NOV-DEC 2017. Citações Web of Science: 5.
Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
BELEI, Marina Ciccone Giacomini. Efeito de inibidores proteolíticos na adesão de dentina desmineralizada por cárie ou erosão. 2015. Dissertação de Mestrado - Universidade de São Paulo (USP). Faculdade de Odontologia de Bauru Bauru.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.