Busca avançada
Ano de início
Entree

Desenvolvimento de sistema de indução de RNAi em genes candidatos potências de fungos fitopatogênicos de citros

Processo: 13/26634-6
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Doutorado
Vigência (Início): 01 de outubro de 2014
Vigência (Término): 30 de setembro de 2015
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Agronomia - Fitossanidade
Pesquisador responsável:Marcos Antonio Machado
Beneficiário:Eduardo Henrique Goulin
Supervisor no Exterior: Holger B. Deising
Instituição-sede: Instituto Agronômico (IAC). Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios (APTA). Secretaria de Agricultura e Abastecimento (São Paulo - Estado). Campinas , SP, Brasil
Local de pesquisa : Martin-Luther-University of Halle-Wittenberg, Alemanha  
Vinculado à bolsa:12/23381-7 - Avaliação de transcriptomas e de genes candidatos potenciais para uso em sistema de RNAi em fungos patogênicos de citros, BP.DR
Assunto(s):Colletotrichum   Fungos fitopatogênicos   Phyllosticta citricarpa   Inativação gênica

Resumo

O Brasil é destaque na produção de frutas cítricas, especialmente laranjas, sendo o maior produtor e exportador de suco da fruta. A União Européia é o principal mercado importador do produto brasileiro. No entanto, prejuízos nas exportações da fruta ocorrem por doenças que são quarentenárias A1 nos mercados internacionais de destino, uma dessas é a Mancha Preta dos Citros, causada pelo fungo Phyllosticta citricarpa (Guignardia citricarpa), que promove a depreciação visual da fruta. Além disso, graves prejuízos na produção de frutos cítricos são causados pelo fungo Colletotrichum acutatum, um dos causadores da podridão floral, além de provocar queda prematura dos frutos. Extensa quantidade de trabalhos vem sendo desenvolvidos no estudo e controle desses fitopatógenos. Uma abordagem atual e promissora de estudo é a análise de expressão gênica por knockout ou knockdown, via RNA de interfência (RNAi). Esses podem ser encontrados a partir da análise do transcriptoma do organismo em estudo, ou via silenciamento de genes envolvidos com características fenotípicas, causados por inserção de sequências em regiões gênicas expressas. Dessa forma, a utilização de ferramentas com RNAi são de extrema importância no auxílio de estudos de mecanismos envolvidos na investigação de genes de patogenicidade em fungos fitopatógenos, e a importância de cada um desses para determinação do fenótipo fitopatogênico. Com isso, neste trabalho, objetiva-se a aplicação de RNAi, pela via de transcrição convergente, em regiões gênicas que foram previamente silenciadas devido a inserção de T-DNA (via Agrobacterium tumefaciens). Para isso, durante o período de estágio no exterior, serão construídos vetores de transformação via A. tumefaciens, os fitopatógenos serão transformados e será avaliado silenciamento das características pelo RNAi em ambos os fungos. (AU)