Busca avançada
Ano de início
Entree

Ferramenta para avaliação do desempenho térmico de habitações de interesse social: consideração da ventilação natural

Processo: 13/16768-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de março de 2014
Vigência (Término): 31 de janeiro de 2016
Área do conhecimento:Ciências Sociais Aplicadas - Arquitetura e Urbanismo - Tecnologia de Arquitetura e Urbanismo
Pesquisador responsável:Karin Maria Soares Chvatal
Beneficiário:Michele Marta Rossi
Instituição-sede: Instituto de Arquitetura e Urbanismo de São Carlos (IAU). Universidade de São Paulo (USP). São Carlos , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):14/09225-8 - Desenvolvimento de modelos de regressão como ferramenta para avaliação do desempenho térmico de habitações de interesse social nas etapas iniciais de projeto: consideração da ventilação natural, BE.EP.MS
Assunto(s):Conforto ambiental   Ventilação natural   Conforto térmico   Método de Monte Carlo   Simulação por computador

Resumo

Simulações do desempenho térmico de edificações são frequentemente usadas para verificação nos estágios finais de projeto, quando os maiores ganhos, tanto em custo quanto em conforto térmico são alcançados nas fases iniciais. Desafios de implementação destas ferramentas nestas etapas se resumem à demanda de tempo, recursos e conhecimento especializado. Ferramentas de simulação simplificadas são apontados como alternativa, no entanto a menor precisão dos resultados acabam por inviabilizar seu uso. Desta forma, a presente pesquisa se enquadra dentro de outra mais ampla [1] e propõe o desenvolvimento de uma ferramenta composta de um ou mais meta-modelo(s) obtido(s) a partir de simulações paramétricas realizadas no EnergyPlus - ferramenta robusta e precisa que elimina eventuais incertezas decorrentes de algoritmos simplificados - para a avaliação e verificação do desempenho térmico de habitações de interesse social [HIS] ainda nas etapas iniciais do projeto. Este mestrado, particularmente, enfocará as estratégias de ventilação natural [2]. O método adotado consiste, primeiramente, na coleta de dados referentes a HIS e na identificação dos parâmetros-chave e suas respectivas faixas de abrangência, relacionados à ventilação natural, que são relevantes nas etapas iniciais do projeto (sob critérios arquitetônicos e de conforto térmico). Assim, serão definidas amostras representativas, a partir de simulações utilizando o método de Monte Carlo, a serem contempladas nas simulações paramétricas. Na sequência, a partir da aplicação de análises de regressão nos resultados das simulações, será desenvolvido um ou mais meta-modelo(s) que será(ão) otimizado(s) e aplicado(s) em uma habitação de interesse social padrão em pelo menos três zonas bioclimáticas brasileiras, variando parâmetros relacionados à ventilação natural, a fim de se obter melhores níveis de conforto térmico. [1]Este mestrado é vinculado a um projeto principal que será submetido à FAPESP pela Profa. Orientadora durante o ano de 2013, como Auxílio Individual à Pesquisa. Também se vinculam a esse mesmo projeto principal mais dois mestrandos e quatro professores da North Carolina State University (NCSU).[2]O método apresentado é parte da pesquisa dos três mestrandos da equipe, sendo que cada um será responsável pela abordagem de um aspecto específico: (1) ventilação natural (ênfase específica do mestrado em questão), (2) sistemas construtivos e (3) insolação do edifício e seus ambientes e sombreamento, sendo que ambos os mestrados já se encontram em andamento.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
ROSSI, MICHELE MARTA; OLIVEIRA FAVRETTO, ANA PAULA; GRASSI, CAMILA; DECAROLIS, JOSEPH; CHO, SOOLYEON; HILL, DAVID; SOARES CHVATAL, KARIN MARIA; RANJITHAN, RANJI. Metamodels to assess the thermal performance of naturally ventilated, low-cost houses in Brazil. ENERGY AND BUILDINGS, v. 204, DEC 1 2019. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.