Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo da Influência da Concentração de Anidrido Maleico e do Tempo de Reação na Modificação Química de Amido, por Processamento Reativo, para Compatibilização de Blendas Amido/PBAT

Processo: 13/25945-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de março de 2014
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2014
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia de Materiais e Metalúrgica - Materiais Não-metálicos
Pesquisador responsável:Silvia Helena Prado Bettini
Beneficiário:Ligia Stocche Barbosa
Instituição-sede: Centro de Ciências Exatas e de Tecnologia (CCET). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos , SP, Brasil
Assunto(s):Blendas   Amido   Polímeros (materiais)

Resumo

A requisição cada vez maior da utilização de embalagens sustentáveis tem impulsionado os desenvolvimentos na área de polímeros biodegradáveis. Tais requisições de mercado são decorrentes do uso único de tais materiais, que gera uma elevada quantidade de resíduos. Dentre os polímeros biodegradáveis, o amido termoplástico tem importância fundamental, principalmente, devido ao fato deste ser proveniente de fonte natural e abundante. No entanto, suas características intrínsecas o torna inadequado às aplicações em embalagens, pois este polímero apresenta baixa resistência à umidade, elevada rigidez e dificuldade de processamento. Para contornar tais inconvenientes, as misturas com polímeros com baixa hidrofilicidade, flexíveis e que apresentem processabilidade adequada, como o poli(adipato-co-tereftalato de butileno) (PBAT) torna-se uma alternativa viável. No entanto, estes polímeros são incompatíveis, e modificações químicas no amido tornam-se necessárias. Em trabalho anterior, desenvolvido com suporte financeiro da FAPESP (Processo 2012/08380-4), estudou-se a modificação química do amido com anidrido maleico e ácido sebácido, por processamento reativo, para a formação de ésteres na cadeia de amido e, em uma etapa posterior, blendas de amido termoplástico (modificado ou não)/PBAT foram produzidas e a compatibilidade estudada, através de propriedades mecânicas e análises morfológicas. Em tal estudo, verificou-se que a modificação do amido termoplástico com anidrido maleico conduziu a uma maior compatibilização entre as fases amido/PBAT, porém as análises morfológicas indicaram a presença de cristais de anidrido maleico não reagidos nas blendas compatibilizadas. Desta forma, dando prosseguimento a este estudo, pretende-se avaliar as influências das variáveis concentração de anidrido maleico e tempo de reação, na modificação química do amido termoplástico, por processamento reativo, e avaliar a influência da concentração de anidrido maleico reagido, que pode depender da concentração inicial e do tempo de reação, nas propriedades mecânicas e na morfologia de blendas amido termoplástico/PBAT.