Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeito do ácido jasmônico nas defesas induzidas da cana-de-açúcar contra a herbivoria de Diatraea saccharalis Fabricius (Lepidoptera: Crambidae)

Processo: 13/11993-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de abril de 2014
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2014
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Agronomia - Fitossanidade
Pesquisador responsável:Maria Fernanda Gomes Villalba Peñaflor
Beneficiário:Patricia Alessandra Sanches
Instituição-sede: Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (ESALQ). Universidade de São Paulo (USP). Piracicaba , SP, Brasil
Assunto(s):Cotesia flavipes   Interação planta-inseto   Entomologia

Resumo

A broca-da-cana-de-açúcar, Diatraea saccharalis (Lepidoptera: Pyralidae), destaca-se por atacar os colmos da cana e causar enormes prejuízos ao Brasil, um dos maiores produtores desta cultura no mundo. Ao longo de milhões de anos, as plantas desenvolveram mecanismos de defesas em resposta ao ataque dos herbívoros, que podem ser explorados com o objetivo de aumentar a resistência de plantas de importância agrícola contra as pragas. Estas defesas são moduladas, principalmente, pelo hormônio vegetal ácido jasmônico (AJ), cuja aplicação exógena tem mostrado ser uma técnica promissora de manejo integrado de pragas (MIP), pois induz a síntese de defesas da planta contra a herbivoria. Dessa forma, o projeto visa investigar os efeitos do ácido jasmônico (AJ) sobre a resistência da planta de cana-de-açúcar, em termos de defesas diretas e indiretas, contra o ataque do herbívoro D. saccharalis. As defesas diretas serão mensuradas por meio do desempenho e preferência do herbívoro por plantas controle e tratadas com AJ, enquanto que as indiretas serão avaliadas por meio da resposta do parasitoide Cotesia flavipes (Hymenoptera: Braconidae) aos voláteis liberados pela cana. Como o perfil de voláteis induzidos pela broca pode ser semelhante ao da planta tratada com o AJ, será também avaliada a capacidade de C. flavipes em discriminar os voláteis da cana tratada com o AJ frente aos odores liberados pela cana tratadas com o AJ e atacada pela broca. Caso o parasitoide não seja capaz de discriminar entre esses perfis, a localização do seu hospedeiro em áreas tratadas com AJ pode ser prejudicada, o que não é desejável para um método de MIP. Os métodos empregados para esse estudo incluem ensaios comportamentais, de olfatometria, coleta e análise de voláteis das plantas. O projeto, além de revelar as interações ecológicas entre a cana, a broca e C. flavipes, tem grande relevância para o desenvolvimento de uma técnica compatível com o manejo integrado de pragas (MIP).

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
PENAFLOR, MARIA FERNANDA G. V.; GONCALVES, FELIPE G.; COLEPICOLO, CAMILA; SANCHES, PATRICIA A.; BENTO, JOSE MAURICIO S. Effects of single and multiple herbivory by host and non-host caterpillars on the attractiveness of herbivore-induced volatiles of sugarcane to the generalist parasitoid Cotesia flavipes. Entomologia Experimentalis et Applicata, v. 165, n. 1, p. 83-93, OCT 2017. Citações Web of Science: 6.
DOS SANTOS, RAFAELA CRISTINA; GOMES VILLALBA PENAFLOR, MARIA FERNANDA; SANCHES, PATRICIA ALESSANDRA; NARDI, CRISTIANE; SIMOES BENTO, JOSE MAURICIO. The effects of Gibberella zeae, Barley Yellow Dwarf Virus, and co-infection on Rhopalosiphum padi olfactory preference and performance. PHYTOPARASITICA, v. 44, n. 1, p. 47-54, FEB 2016. Citações Web of Science: 4.
SANTOS, FRANCIELE; PENAFLOR, MARIA FERNANDA G. V.; PARE, PAUL W.; SANCHES, PATRICIA A.; KAMIYA, ALINE C.; TONELLI, MATEUS; NARDI, CRISTIANE; BENTO, JOSE MAURICIO S. A Novel Interaction between Plant-Beneficial Rhizobacteria and Roots: Colonization Induces Corn Resistance against the Root Herbivore Diabrotica speciosa. PLoS One, v. 9, n. 11 NOV 18 2014. Citações Web of Science: 18.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.