Busca avançada
Ano de início
Entree

Desenvolvimento de metodologia eletroanalítica para quantificação de derivados do ácido gálico

Processo: 13/24600-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de abril de 2014
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2014
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Analítica
Pesquisador responsável:Mariele Mucio Pedroso
Beneficiário:Milena Alves
Instituição-sede: Instituto de Química (IQ). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Araraquara. Araraquara , SP, Brasil
Assunto(s):Eletroanalítica   Catequina   Voltametria cíclica

Resumo

A doença de Chagas, causada pelo protozoário Trypanosoma cruzi, é reconhecida como um grave problema de saúde pública no Brasil e no mundo. A disponibilidade de fármacos para a doença de Chagas é extremamente restrita e por isso estima-se que apenas 1% dos infectados recebem algum tipo de tratamento. Muitos produtos naturais e sintéticos estão sendo avaliados com relação à atividade tripanocida para o tratamento desta patologia, como é o caso dos compostos derivados do ácido gálico, galato de dodecila e a catequina, galato de epigalocatequinaque. O potencial antioxidante, antiviral e antitumoral destes compostos assim como seu uso depe ndem do conhecimento e compreensão de suas propriedades físico-químicas. Neste contexto, o presente projeto tem por objetivo desenvolvimento de metodologia eletroanalítica para quantificar os compostos galato de dodecila e o galato de epigalocatequina em solução sendo este um fator essencial para seu potencial uso clínico. Esses dados irão contribuir para os estudos de encapsulação e avaliação da taxa de liberação controlada destes promissores fármacos contra doença de Chagas (Processo FAPESP 2013/05448-0). (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)