Busca avançada
Ano de início
Entree

Os Estudos Incipientes da Retórica na Música Colonial Brasileira.

Processo: 13/23600-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de abril de 2014
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2017
Área do conhecimento:Linguística, Letras e Artes - Artes - Música
Pesquisador responsável:Diósnio Machado Neto
Beneficiário:Eliel Almeida Soares
Instituição-sede: Escola de Comunicações e Artes (ECA). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Musicologia   Análise musical   Retórica

Resumo

O discurso musical, entre o final do século XVI e início do XIX, era constituído por elementos retóricos, aliados à organização e a disposição fundamentados na eloquência e persuasão, consequentes de uma transmissão escolástica decorrida desde a Idade Média e no Renascimento, conferindo certo grau de excelência às músicas produzidas tanto na Europa como no Brasil. Tal processo é fruto de contextos histórico-sociais ocorridos desde a Antiguidade, relacionados às obras de tratadistas, pensadores e compositores formando, dessa forma, a base necessária para a concepção estrutural de uma música. Com o intento de compreender em qual caminho percorreu esses ensinamentos, a atual musicologia, iniciou inúmeras pesquisas as quais contribuem no desenvolvimento de novos meios analíticos, objetivados em clarificar a relação entre música e afeto. Apesar desse crescente interesse, no ambiente luso-brasileiro, os estudos sobre a retórica musical, ainda estão em fase inicial, entretanto, procurando desenvolver metodologias mais apropriadas para o entendimento de sua adequação e concepção sistemática, constituídas estruturalmente na música vigente do período investigado.Por essa razão, esse projeto tem como objetivo examinar os estudos incipientes da retórica na música colonial brasileira. Isto é, verificar a atual conjuntura na qual se encontram os mapeamentos dos modelos e especificidades dessas investigações. Além disso, averiguar esses processos e mecanismos nas obras de autores brasileiros, por exemplo, Manoel Dias de Oliveira, André da Silva Gomes, José Maurício Nunes Garcia, entre outros, utilizando-se das ferramentas analíticas necessárias à compreensão da linguagem retórica desses mestres da composição.

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
SOARES, Eliel Almeida. O emprego da retórica na música colonial brasileira. 2017. Tese de Doutorado - Universidade de São Paulo (USP). Escola de Comunicações e Artes São Paulo.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.