Busca avançada
Ano de início
Entree

Análise da causalidade entre indicadores espaciais, físicos, antrópicos e bióticos em fragmentos de Mata Atlântica

Processo: 14/02597-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de maio de 2014
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2014
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Ecologia - Ecologia Aplicada
Pesquisador responsável:Rogério Hartung Toppa
Beneficiário:Silvania Goularte Correia
Instituição-sede: Centro de Ciências e Tecnologias para a Sustentabilidade (CCTS). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). Sorocaba , SP, Brasil
Assunto(s):Ecologia da paisagem   Fragmentos florestais   Qualidade ambiental   Indicadores ambientais   Sistema de informação geográfica (SIG)   Salto de Pirapora (SP)

Resumo

Este projeto visa o estudo de correlações que possam existir entre indicadores abióticos, métricos e antrópicos de fragmentos florestais e indicadores bióticos. Com base nos resultados encontrados, pretende-se elaborar um Índice de Qualidade Ambiental de Fragmentos Florestais, com o propósito de subsidiar a tomada de decisões para projetos conservacionistas. Diante do processo de fragmentação global de áreas de vegetação anteriormente contínuas, indicadores e critérios para avaliar a qualidade e relevância ecológica destes fragmentos tornam-se essenciais. Ainda são escassos os trabalhos que se propuseram a elaborar um índice que sumarize a qualidade de fragmentos florestais em um único valor. Para o presente estudo, serão selecionados fragmentos florestais do município de Salto de Pirapora/SP. Estes fragmentos serão analisados quanto a suas características abióticas, métricas, bióticas e antrópicas, por meio de indicadores selecionados. Com o uso de uma regressão linear StepWise, será possível verificar se existem indicadores abióticos, espaciais e antrópicos que explicam as variações nos indicadores bióticos. Caso existam estes indicadores, pretende-se elaborar um sistema baseado em regras fuzzy, onde as variáveis de entrada serão os indicadores encontrados e a variável de saída o Índice de Qualidade Ambiental de Fragmentos Florestais. A validação do modelo matemático será feita a partir de dados reais (Salto de Pirapora/SP). Dessa forma, o sistema poderá fornecer o índice que indicará ao usuário a qualidade ambiental de fragmentos florestais.