Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo da variação intraespecífica no desempenho locomotor de Tropidurus torquatus para determinar a sensibilidade termal da espécie ao aquecimento global

Processo: 14/00809-7
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Doutorado Direto
Vigência (Início): 01 de maio de 2014
Vigência (Término): 30 de junho de 2014
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Zoologia - Fisiologia dos Grupos Recentes
Pesquisador responsável:Carlos Arturo Navas Iannini
Beneficiário:Carla Piantoni
Supervisor no Exterior: Donald Bailey Miles
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Local de pesquisa: Ohio University, Estados Unidos  
Vinculado à bolsa:09/54842-7 - Efeitos do aquecimento global sobre populações de Tropidurus torquatus (Squamata: Tropiduridae) no Brasil, BP.DD
Assunto(s):Ecofisiologia   Mudança climática   Cerrado   Lagartos   Tropidurus torquatus

Resumo

De acordo com estimativas, alterações climáticas globais levarão a incrementos de até 6°C na temperatura ambiental no Brasil entre os anos 2071-2100. Além disso, as precipitações devem diminuir em uma taxa de cerca de 5-20%. Estimar as respostas dos organismos diante das mudanças globais do clima é um dos mais urgentes desafios para os ecofisiologistas contemporâneos. Os vertebrados ectotérmicos são particularmente suscetíveis ao aquecimento global, já que qualquer alteração na temperatura ambiental pode alterar seu desempenho comportamental e fisiológico até níveis subótimos, restringindo o tempo de atividade. Embora a susceptibilidade de uma espécie ou um indivíduo esteja atrelada ao intervalo de tolerância termal própria, ao comportamento e à diversidade genética, a maior parte dos ectotermos tropicais estão expostos a temperaturas próximas aos limites termais considerados ótimos para o desempenho metabólico e organísmico. Consequentemente os animais tropicais são considerados os mais vulneráveis às iminentes alterações mais sensíveis temperatura. O presente projeto visa examinar se vulnerabilidade às elevações da temperatura ambiental e às mudanças nos padrões de precipitação por parte da espécie de lagartos Tropidurus torquatus no Brasil estaria de fato inversamente relacionada à latitude. A variação geográfica na susceptibilidade termal será explorada através da análise das curvas de desempenho locomotor de três populações ao longo do um gradiente latitudinal. (AU)