Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo de características ligadas ao balanço energético e suas associações com características produtivas e reprodutivas em primíparas da raça Gir Leiteiro

Processo: 14/07925-2
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Programa Capacitação - Treinamento Técnico
Vigência (Início): 01 de junho de 2014
Vigência (Término): 29 de fevereiro de 2016
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Zootecnia - Genética e Melhoramento dos Animais Domésticos
Pesquisador responsável:Lenira El Faro Zadra
Beneficiário:Gabriela Geraldi Mendonça
Instituição-sede: Instituto de Zootecnia. Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios (APTA). Secretaria de Agricultura e Abastecimento (São Paulo - Estado). Nova Odessa , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:13/17867-7 - Estudo de características ligadas ao balanço energético e suas associações com características produtivas e reprodutivas em primíparas da raça Gir leiteiro, AP.R
Assunto(s):Ácidos graxos   Lactoferrina   Progesterona   Qualidade do leite   Produção de leite   Reprodução

Resumo

Esta proposta tem por objetivo as características ligadas ao balanço energético, qualidade do leite e reprodução de 25 primíparas da raça Gir leiteiro sob as condições de uma prova de desempenho em pasto. Este é um projeto piloto para ampliar os estudos na área de qualidade do leite e leite funcional na área de melhoramento genético de bovinos leiteiros, iniciando também a prospecção de medidas que estejam relacionadas aos eventos reprodutivos para a raça Gir. Serão anotadas as informações de pesos corporais, espessura de gordura subcutânea e escores de condição corporal das vacas antes do parto, ao parto e durante a lactação, mensalmente. Além disso, serão coletadas amostras de leite, mensalmente para as análises laboratoriais de constituintes do leite, contagem de células somáticas, dosagem de ácidos graxos saturados e insaturados e lactoferrina no leite. A dosagem de progesterona no leite será analisada para detectar o início da atividade luteal das vacas após o parto, sendo coletadas amostras de leite cinco dias após o parto, duas vezes por semana, até o primeiro cio das vacas. Serão anotadas as informações adicionais de primeiro cio após o parto e data da primeira cobertura, bem como a data da concepção da vaca. As análises laboratoriais serão realizadas no Laboratório de Fisiologia Animal da USP - Pirassununga e no Laboratório Innovare de Biomarcadores, na Faculdade de Ciências Médicas (FCM) /Unicamp.