Busca avançada
Ano de início
Entree

Habilidades de linguagem auxiliada em crianças entre 5 e 15 anos de idade: uma investigação por meio de distintas culturas em múltiplos locais: uma análise da tarefa 6

Processo: 14/09050-3
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Doutorado
Vigência (Início): 01 de agosto de 2014
Vigência (Término): 31 de janeiro de 2015
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Educação - Tópicos Específicos de Educação
Pesquisador responsável:Débora Deliberato
Beneficiário:Munique Massaro
Supervisor no Exterior: Stephen von Tetzchner
Instituição-sede: Faculdade de Filosofia e Ciências (FFC). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Marília. Marília , SP, Brasil
Local de pesquisa : University of Oslo (UiO), Noruega  
Vinculado à bolsa:13/11055-0 - Capacitação do professor de educação infantil no contexto de sistemas de comunicação suplementar e alternativa, BP.DR
Assunto(s):Educação especial   Comunicação alternativa   Tecnologia assistiva   Crianças   Inclusão escolar

Resumo

O estudo proposto está vinculado ao Projeto Becoming aided communicators: Aided language skills in children aged 5-15 years - a multi-national investigation sob supervisão do Prof. Dr. Stephen von Tetzchner. Este estudo pretende analisar a tarefa de produção seis que poderá reforçar e complementar os estudos de Beata Batorowicz e Kristine Stadskleiv. Essas pesquisadoras estão analisando a mesma tarefa de produção a partir de diferentes perspectivas na Noruega e no Canadá. Assim, os objetivos do estudo são: 1. Analisar as expressões usadas por crianças comunicadoras assistidas e crianças naturalmente falantes para orientar o parceiro de comunicação a construir modelos físicos; 2. Analisar o diálogo e estratégias usados por parceiros de comunicação para entender e seguir as instruções dadas pelas crianças comunicadoras assistidas e crianças naturalmente falantes do grupo de comparação. Os participantes foram a) oito crianças e adolescentes que usam auxiliares de comunicação, b) um grupo de comparação de oito crianças naturalmente falantes e adolescentes sem deficiência, c) oito mães de comunicadores assistidos e d) oito mães de crianças do grupo de comparação. Todos os participantes residiam no Brasil. Procedimentos para organizar o material: 1. As crianças e jovens comunicadores assistidos foram avaliados com: Manual Ability Classification System (MACS) (ELIASSON et al, 2006), Gross Motor Function Classification System (GMFCS) (PALISANO et al., 1997), Communication Functioning Classification System (CFCS) (HIDECKER et al., 2011), Peabody Picture Vocabulary Scale (DUNN, L. M. et al, 2004) e a The Viking Speech Scale (PENNINGTON et al, 2010); 2. Os participantes foram filmados durante as tarefas; 3. As filmagens foram transcritas, seguindo o sistema de notação proposto por von Tetzchner & Basil (2011); 4. Os diálogos foram transcritos em seu português brasileiro nativo e versados para o inglês; 5. Os resultados serão analisados e apresentados em forma de artigo; 6. O artigo será submetido para uma revista científica internacional. Atualmente, foram completadas as etapas 1, 2, 3 e 4. O período solicitado para o programa de bolsa de doutorado sanduíche está relacionado com a análise do material. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
DELIBERATO, DEBORA; JENNISCHE, MARGARETA; OXLEY, JUDITH; D'OLIVEIRA DE PAULA NUNES, LEILA REGINA; DE FIGUEIREDO WALTER, CATIA CRIVELENTI; MASSARO, MUNIQUE; ALMEIDA, MARIA AMELIA; STADSKLEIV, KRISTINE; BASIL, CARMEN; CORONAS, MARC; SMITH, MARTINE; VON TETZCHNER, STEPHEN. Vocabulary comprehension and strategies in name construction among children using aided communication. AUGMENTATIVE AND ALTERNATIVE COMMUNICATION, v. 34, n. 1, SI, p. 16-29, 2018. Citações Web of Science: 2.
MUNIQUE MASSARO; KRISTINE STADSKLEIV; STEPHEN VON TETZCHNER; DÉBORA DELIBERATO. Estratégias de Comunicadores Auxiliados para Instruir Parceiros de Comunicação na Construção de Modelos Físicos. Rev. bras. educ. espec., v. 22, n. 3, p. -, Set. 2016.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.