Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação da eficácia do Ra-223 diclorido no tratamento de pacientes com câncer de próstata metastático através do fluoreto-18F PET/CT

Processo: 14/03317-8
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Pesquisa
Vigência (Início): 01 de agosto de 2014
Vigência (Término): 31 de julho de 2015
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Radiologia Médica
Pesquisador responsável:ELBA CRISTINA SÁ DE CAMARGO ETCHEBEHERE
Beneficiário:ELBA CRISTINA SÁ DE CAMARGO ETCHEBEHERE
Anfitrião: Homer A. Macapinlac
Instituição-sede: Hospital de Clínicas (HC). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Local de pesquisa : University of Texas MD Anderson Cancer Center (MD Anderson), Estados Unidos  
Assunto(s):Medicina nuclear   Neoplasias da próstata   Fluoretos   Metástase neoplásica

Resumo

As metástases ósseas de pacientes com câncer de próstata são a maior causa de morte, redução de qualidade de vida e elevação do custo de tratamento. O radium-223 diclorídrico ou Ra223Cl2 é um radioisótopo emissor de partículas alpha (95%) de aproximadamente 28 MeV. Este traçador mimetiza o cálcio, parte integrante do metabolismo ósseo. A terapia com Ra223Cl2 (Ra-223) em pacientes com câncer de próstata metastáticos tem demonstrado ganho de sobrevida. Entretanto, existe uma parcela significativa de pacientes que não respondem a este tratamento e identifica-los precocemente para não serem submetidos a uma terapia ineficaz e de custo elevado é de suma importância. Imagem molecular com fluoreto-18F PET/CT (F-18 PET/CT) apresenta alta sensibilidade na identificação de lesões metastática osteoblásticas e tem sido de grande valia na identificação de lesões em pacientes com câncer de próstata com metástases ósseas. Objetivo: Avaliar quais pacientes mais se beneficiam do tratamento com Ra-223 através de imagens de corpo inteiro do esqueleto com fluoreto-18F PET/CT (F-18 PET/CT). Metodologia: Os pacientes com neoplasia de próstata e metástases exclusivamente para os ossos serão submetidos a tratamento com Ra-223 e realizarão acompanhamento com imagens de corpo inteiro do esqueleto com F-18 PET/CT. Estas imagens serão realizadas em três tempos: antes, durante e 6 meses após o término do tratamento com Ra-223. Serão correlacionados os critérios clínicos como resposta a dor, qualidade de vida e sobrevida (de acordo com o questionário utilizado na Instituição) com as imagens de F-18 PET/CT. Espera-se que o F-18 PET/CT seja capaz de identificar quais pacientes mais se beneficiam desta terapia. Este estudo é inédito na literatura. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
ETCHEBEHERE, ELBA C.; ARAUJO, JOHN C.; MILTON, DENAI R.; ERWIN, WILLIAM D.; WENDT, III, RICHARD E.; SWANSTON, NANCY M.; FOX, PATRICIA; MACAPINLAC, HOMER A.; ROHREN, ERIC M. Skeletal Tumor Burden on Baseline 18F-Fluoride PET/CT Predicts Bone Marrow Failure After 223Ra Therapy. CLINICAL NUCLEAR MEDICINE, v. 41, n. 4, p. 268-273, APR 2016. Citações Web of Science: 15.
ETCHEBEHERE, ELBA C.; MILTON, DENAI R.; ARAUJO, JOHN C.; SWANSTON, NANCY M.; MACAPINLAC, HOMER A.; ROHREN, ERIC M. Factors affecting Ra-223 therapy: clinical experience after 532 cycles from a single institution. EUROPEAN JOURNAL OF NUCLEAR MEDICINE AND MOLECULAR IMAGING, v. 43, n. 1, p. 8-20, JAN 2016. Citações Web of Science: 30.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.