Busca avançada
Ano de início
Entree

Programas e projetos públicos para habitação social em centros históricos de cidades consolidadas: São Paulo (Brasil) e Roma (Itália)

Processo: 14/00299-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de julho de 2014
Vigência (Término): 29 de fevereiro de 2016
Área do conhecimento:Ciências Sociais Aplicadas - Arquitetura e Urbanismo - Projeto de Arquitetura e Urbanismo
Convênio/Acordo: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Pesquisador responsável:Rosio Fernández Baca Salcedo
Beneficiário:Juliana Cavalini Martins
Instituição-sede: Faculdade de Arquitetura, Artes e Comunicação (FAAC). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Bauru. Bauru , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):14/17241-3 - Programas e projetos públicos para habitação social em centros históricos de cidades consolidadas: Roma (Itália), BE.EP.MS
Assunto(s):Habitação social   Centros históricos   Políticas públicas   Patrimônio arquitetônico   São Paulo (SP)   Roma (Itália)

Resumo

A prefeitura de São Paulo (Brasil), nas gestões 2001 a 2004 e 2005 a 2008, desenvolveu políticas públicas urbanas para requalificação da área central. Através do Programa de Arrendamento Residencial (PAR), reabilitou edifícios para Habitação de Interesse Social (HIS) no centro histórico e, dentre esses, está o Edifício Riachuelo. Em Roma (Itália), a prefeitura, desde 1998, através do "Programmi di Riqualificazione Urbana" (PRIU), requalifica áreas degradadas e reabilita edifícios para habitação social e, dentre esses, está o Edifício Viale XXI Aprile. Neste contexto, a pesquisa tem por objetivo geral: estudar, analisar e comparar o programa PAR no Brasil e PRIU na Itália, através dos estudos de caso: Edifício Riachuelo e Edifício Viale XXI Aprile, respectivamente, e propor diretrizes para programas e projetos de habitação social no Brasil. Metodologia: A pesquisa compreende cinco etapas. A primeira aborda a habitação social, reabilitação dos centros históricos, métodos de intervenção no patrimônio arquitetônico e políticas e programas públicos de habitação. A segunda, o centro histórico de São Paulo, o PAR e o estudo de caso: Edifício Riachuelo. A terceira, o centro histórico de Roma, o PRIU e o estudo de caso: Edifício Viale XXI Aprile. A quarta, análise comparativa dos Programas PAR e PRIU, através dos estudos de caso, de acordo com os seguintes critérios: características dos moradores, viabilidade social, econômica, urbana, estratégias de preservação de edifícios, qualidade de habitação. A quinta, proposta de diretrizes para programas e projetos públicos de habitação social em centros históricos no Brasil. Resultados: Pretende-se contribuir com os estudos sobre habitação social em centros históricos com ênfase em: i) reabilitação de edifícios; ii) estratégias de preservação de edifícios; iii) programas e projetos públicos e iv) diretrizes para programas e projetos públicos no Brasil. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
MARTINS, Juliana Cavalini. Habitação social em centros urbanos consolidados : análise dialógica desde o percurso do projeto ao uso social: São Paulo (Brasil) e Roma (Itália). 2016. 166 f. Dissertação de Mestrado - Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" Faculdade de Arquitetura, Artes e Comunicação..

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.