Busca avançada
Ano de início
Entree

Adequação da vinhaça de cana-de-açúcar para reuso agrícola: avaliação de diferentes tecnologias de tratamento e potenciais impactos ambientais

Processo: 14/04636-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de agosto de 2014
Vigência (Término): 31 de julho de 2016
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Sanitária - Tratamentos de Águas de Abastecimento e Residuárias
Pesquisador responsável:Marcelo Loureiro Garcia
Beneficiário:Isabella Junqueira Rodrigues
Instituição-sede: Instituto de Geociências e Ciências Exatas (IGCE). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Rio Claro. Rio Claro , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:09/15984-0 - Produção de bioenergia no tratamento de águas residuárias e adequação ambiental dos efluentes e resíduos gerados, AP.TEM
Assunto(s):Vinhaça   Digestão anaeróbia   Reúso

Resumo

O uso do etanol possuiu diversas vantagens em comparação à utilização de combustíveis fósseis, entre eles estão o seu caráter renovável e redução dos gases de efeito estufa. Embora o etanol seja comumente caracterizado como um combustível sustentável, sua produção pode gerar diversos ônus ao meio ambiente, sendo destacada a geração de vinhaça, efluente que possui alta concentração de matéria orgânica e de nutrientes. No Brasil, a vinhaça normalmente é direcionada à ferti-irrigação das lavouras; entretanto, esta prática pode acarretar diversos danos ao solo e aos corpos d'água do entorno, especialmente quando critérios técnicos não considerados adequadamente. Baseando-se nas características composicionais da vinhaça, a digestão anaeróbia surge como uma eficiente alternativa para o seu tratamento, combinando uma redução no seu potencial poluidor com um potencial intrínseco para recuperação de energia, devido à geração do biogás. No entanto, os efluentes de reatores anaeróbios ainda apresentam algumas limitações ao reuso, considerando aspectos indesejáveis, tais como elevados níveis de cor e odor desagradável. Diante deste cenário, esta pesquisa propõe o tratamento de vinhaça em sistemas convencionais (especificamente coagulação-floculação) posteriormente a tratamento anaeróbio. Desta forma, é esperada uma redução do potencial poluidor da vinhaça, potencializando sua adequabilidade para aplicação agrícola e minimizando os possíveis riscos ao meio ambiente e à saúde humana. Também pretende-se comparar os resultados obtidos neste projeto com outros processos de tratamento comumente aplicados à vinhaça, de modo a se identificar as configurações mais satisfatórias à sua adequação ambiental.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
FUESS, LUCAS T.; RODRIGUES, ISABELLA J.; GARCIA, MARCELO L. Fertirrigation with sugarcane vinasse: Foreseeing potential impacts on soil and water resources through vinasse characterization. JOURNAL OF ENVIRONMENTAL SCIENCE AND HEALTH PART A-TOXIC/HAZARDOUS SUBSTANCES & ENVIRONMENTAL ENGINEERING, v. 52, n. 11, p. 1063-1072, 2017. Citações Web of Science: 4.
Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
RODRIGUES, Isabella Junqueira. Adequação da vinhaça de cana-de-açúcar para reuso agrícola : avaliação de diferentes tecnologias de tratamento e potenciais impactos ambientais. 2016. 71 f. Dissertação de Mestrado - Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" Instituto de Geociências e Ciências Exatas..

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.