Busca avançada
Ano de início
Entree

Desenvolvimento de revestimentos utilizando membranas celulares naturais para a entrega especíca de nanopartículas ativas em MRI

Processo: 14/13645-2
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Doutorado
Vigência (Início): 18 de agosto de 2014
Vigência (Término): 07 de julho de 2015
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Física - Física da Matéria Condensada
Pesquisador responsável:Valtencir Zucolotto
Beneficiário:Valéria Spolon Marangoni
Supervisor no Exterior: Naomi J. Halas
Instituição-sede: Instituto de Física de São Carlos (IFSC). Universidade de São Paulo (USP). São Carlos, SP, Brasil
Local de pesquisa : Rice University, Estados Unidos  
Vinculado à bolsa:12/11166-4 - Nanomateriais teranósticos aplicados à problemática do câncer e estudos de nanotoxicidade, BP.DR
Assunto(s):Materiais nanoestruturados   Nanomedicina   Neoplasias   Nanotecnologia

Resumo

O desenvolvimento de nanomateriais multifuncionais tem sido descrito como a chave para melhorar a eficiência terapêutica e segurança de agentes para aplicações biomédicas. Nanomatryoshkas, nanopartículas consistindo em um núcleo de ouro, uma camada intersticial de SiO2, e uma camada externa de ouro, são apropriadas para aplicações no imageamento e tratamento utilizando a radiação no infravermelho próximo, região em que a luz consegue penetrar mais facilmente no tecido biológico. No entanto, um dos principais desafios da nanomedicina atualmente tem sido o desenvolvimento de sistemas específicos que sejam capazes de superar as barreiras do sistema imunológico. Neste contexto, o principal objetivo do presente trabalho consiste em desenvolver novas nanomatryoshkas que sejam ativas em imagens de ressonância magnética (MRI) e recobri-las com membranas naturais celulares para camuflar e melhorar a especificidade deste sistema in vivo. Estes novos nanocompositos serão caracterizados por microscopia eletronica de transmissão, medidas magnéticas, técnicas de espectroscopia e serão aplicados em estudos de fototermia utilizando diferentes linhagens celulares, incluindo células cancerígenas. (AU)