Busca avançada
Ano de início
Entree

Morfologia comparada das estruturas esqueletais internas da cabeça das abelhas corbiculadas (Apidae: Apini)

Processo: 14/10090-0
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Mestrado
Vigência (Início): 01 de outubro de 2014
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2014
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Zoologia - Taxonomia dos Grupos Recentes
Pesquisador responsável:Eduardo Andrade Botelho de Almeida
Beneficiário:Diego Sasso Porto
Supervisor no Exterior: Lars Bjørn Vilhelmsen
Instituição-sede: Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto (FFCLRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Local de pesquisa : University of Copenhagen, Dinamarca  
Vinculado à bolsa:12/22261-8 - Relações filogenéticas entre abelhas corbiculadas (Hymenoptera: Apidae: Apini), BP.MS

Resumo

As abelhas são himenópteros aculeados que formam um táxon que compreende pouco mais de 20.000 espécies descritas, classificadas em sete famílias. Além da considerável diversidade morfológica, nota-se marcante variação em formas de organização social dentre esses insetos. A maior parte das espécies é verdadeiramente solitária, ao passo que, vários outros táxons exibem algum nível de organização social, e ainda há grupos que demonstram alto grau de comportamentos eussociais (i.e., divisão de trabalho, cuidado cooperativo da prole, diferenciação de castas e sobreposição de gerações). Dentre os últimos, um dos mais interessantes para se estudar a evolução da eussocialidade é o grupo das abelhas corbiculadas (Apidae: Apinae: Apini). Esse é subdividido em quatro subtribos, três das quais são eussociais. Dentre as quatro subtribos, Apina (abelhas-do-mel) e Meliponina (abelhas sem ferrão) compreendem os grupos ditos "eussociais avançados", enquanto Bombina (mamangavas sociais) são "primitivamente eussociais" e Euglossina (abelhas-das-orquídeas) são majoritariamente solitárias, entretanto variações existem. As relações filogenéticas dentre as abelhas corbiculadas têm sido alvo de intensa controvérsia pelas últimas três décadas, deste modo, dificultando um entendimento robusto da evolução da socialidade nesse grupo. A maior parte das hipóteses baseadas em dados morfológicos e comportamentais aponta para um clado reunindo Apina e Meliponina, portanto, apontando para uma única origem do comportamento eussocial avançado. Os dados moleculares, por outro lado, indicam consistentemente origens independentes para esse tipo de comportamento. Considerando isso, há uma demanda urgente por dados morfológicos adicionais que poderiam elucidar a questão e esclarecer as incongruências entre as diferentes fontes de dados usadas até então. Desta forma, o principal objetivo deste projeto BEPE é executar um estudo anatômico de estruturas esqueletais internas da cabeça de espécies representativas das abelhas corbiculadas usando uma tecnologia apenas recentemente aplicada a estudos morfológicos refinados, chamada "Confocal Laser Scanning Microscopy" (CLSM). Isso será realizado utilizando a infraestrutura disponível na Universidade de Copenhagen em colaboração com o Dr. Lars Bjørn Vilhelmsen do Museu de História Natural da Dinamarca, Universidade de Copenhagen, Dinamarca. Novos caracteres morfológicos gerados nesse estudo serão incorporados também aos caracteres já propostos no projeto principal de mestrado. Esse estudo possibilitará um entendimento profundo e refinado de conjuntos anatômicos internos complexos da cabeça das abelhas, e lançará luz sobre a origem e evolução do comportamento eussocial em abelhas. (AU)

Publicações científicas (4)
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
PORTO, DIEGO S.; ALMEIDA, EDUARDO A. B.; VILHELMSEN, LARS. Comparative morphology of internal structures of the mesosoma of bees with an emphasis on the corbiculate clade (Apidae: Apini). Zoological Journal of the Linnean Society, v. 179, n. 2, p. 303-337, FEB 1 2017. Citações Web of Science: 2.
PORTO, DIEGO S.; VILHELMSEN, LARS; ALMEIDA, EDUARDO A. B. Comparative morphology of the mandibles and head structures of corbiculate bees (Hymenoptera: Apidae: Apini). Systematic Entomology, v. 41, n. 2, p. 339-368, APR 2016. Citações Web of Science: 7.
DIEGO SASSO PORTO; GABRIEL A.R. MELO; EDUARDO A.B. ALMEIDA. Clearing and dissecting insects for internal skeletal morphological research with particular reference to bees. Revista Brasileira de Entomologia, v. 60, n. 1, p. 109-113, Mar. 2016. Citações Web of Science: 6.
ALMEIDA, E. A. B.; PORTO, D. S. Investigating Eusociality in Bees while Trusting the Uncertainty. Sociobiology, v. 61, n. 4, p. 355-368, DEC 2014. Citações Web of Science: 6.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.