Busca avançada
Ano de início
Entree

Natureza, cultura e decadência: um estudo sobre os fundamentos teológicos da antimodernidade em Baudelaire

Processo: 14/09902-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de agosto de 2014
Vigência (Término): 09 de maio de 2017
Área do conhecimento:Linguística, Letras e Artes - Letras - Teoria Literária
Pesquisador responsável:Marcos Antonio Siscar
Beneficiário:Eduardo Horta Nassif Veras
Instituição-sede: Instituto de Estudos da Linguagem (IEL). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):14/21396-2 - Natureza, cultura e decadência: um estudo sobre os fundamentos teológicos da antimodernidade em Baudelaire, BE.EP.PD
Assunto(s):Hermenêutica   Natureza   Teologia   Decadência   Literatura francesa

Resumo

Este projeto de pós-doutorado pretende dar prosseguimento à pesquisa que embasou minha tese de doutorado, onde busquei analisar os principais pontos de contato entre a obra - crítica, filosófica e poética - de Baudelaire e o mito judaico-cristão da Queda. Dando seguimento ao problema da pretensa falta de continuidade entre as reflexões filosófico-teológicas e a produção mais propriamente poética do escritor francês, algumas vezes esboçado pela crítica especializada, pretende-se estudar a passagem para a poesia não como um mero exercício de ilustração literária de uma determinada visão de mundo, mas como o exacerbamento mesmo da reflexão crítica sobre a modernidade que permeia toda a obra do escritor francês. Dialogando diretamente com a tradição teológica do Cristianismo, da qual Baudelaire é comprovadamente devedor, pretende-se analisar, finalmente, as relações entre a representação - filosófica e estética - da natureza, a oposição baudelairiana contra determinados elementos da cultura moderna e o problema da decadência, entendido aqui não apenas como categoria filosófica, mas em especial como símbolo poético, no sentido ricSuriano do termo.