Busca avançada
Ano de início
Entree

Diferenciação odontoblástica e deposição de matriz mineralizada por células tronco da polpa dental semeadas em scaffolds de nanofibras associados a substâncias bioativas

Processo: 14/13034-3
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de janeiro de 2015
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2015
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia - Materiais Odontológicos
Pesquisador responsável:Carlos Alberto de Souza Costa
Beneficiário:Diana Gabriela Soares dos Passos
Supervisor no Exterior: Peter X. Ma
Instituição-sede: Faculdade de Odontologia (FOAr). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Araraquara. Araraquara , SP, Brasil
Local de pesquisa: University of Michigan, Estados Unidos  
Vinculado à bolsa:13/23520-0 - Bioatividade de scaffolds experimentais a base de quitosana e colágeno sobre cultura de células pulpares humanas, BP.PD
Assunto(s):Biomateriais   Células-tronco   Engenharia tecidual

Resumo

Neste estudo, será avaliada a diferenciação odontoblástica de células tronco da polpa dental (DPSCs), bem como seu potencial em depositar matriz mineralizada, semeadas sobre scaffolds de nanofibras na presença ou não de substâncias bioativas. Para tanto, scaffolds de nanofibras de Poli (L-latic acid) (NF-PLLA) e microesferas ocas, obtidas a partir de nanofibras de star-shaped PLLA (HNF-SSPLLA) serão fabricados e posicionados em placas de 24 compartimentos. Em seguida, DPSCs de dentes humanos serão semeadas sobre os scaffolds (1.000.000 células), sendo o conjunto incubado por 24 horas a 37oC e 5% CO2 em meio de cultura completo (alfa-MEM). Após este período, o meio de cultura será substituído por meio de diferenciação osteogênica (contendo ácido arcorbico e beta-glicerofosfato), contendo 10-8 M de dexametasona e/ou 10-6 M de sinvastatina. Meio osteogênico sem as substâncias bioativas será empregado como grupo controle. As células serão incubadas por até 4 semanas nas diferentes condições experimentais, sendo a proliferação (total de DNA) e morfologia (MEV) celular analisadas a cada semana. Ainda, após 1 e 2 semanas de cultivo, a atividade de fosfatase alcalina (p-nitrophenyl phosphate assay) será avaliada, e o total de cálcio depositado (calcium assay kit) será quantificado após 4 semanas. A expressão gênica de marcadores da diferenciação odontoblástica (OCN, Col I e DSPP - PCR real time) será analisada após 1, 2 e 4 semanas. Analise histológica da migração celular nos scaffolds (H&E), deposição de colágeno (tricrômico de Masson) e deposição de cálcio (Von Kossa), bem como a expressão de DSP i(munohistoquimica), serão avaliados após 4 semanas em cultura. Os dados serão submetidos a análise estatística específica. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
SOARES, DIANA G.; ZHANG, ZHANPENG; MOHAMED, FATMA; EYSTER, THOMAS W.; DE SOUZA COSTA, CARLOS A.; MA, PETER X. Simvastatin and nanofibrous poly(L-lactic acid) scaffolds to promote the odontogenic potential of dental pulp cells in an inflammatory environment. Acta Biomaterialia, v. 68, p. 190-203, MAR 1 2018. Citações Web of Science: 7.
SOARES, DIANA GABRIELA; ROSSETO, HEBERT LUIS; SCHEFFEL, DEBORA SALLES; BASSO, FERNANDA GONCALVES; HUCK, CLAUDIA; HEBLING, JOSIMERI; DE SOUZA COSTA, CARLOS ALBERTO. Odontogenic differentiation potential of human dental pulp cells cultured on a calcium-aluminate enriched chitosan-collagen scaffold. CLINICAL ORAL INVESTIGATIONS, v. 21, n. 9, p. 2827-2839, DEC 2017. Citações Web of Science: 2.
SOARES, DIANA GABRIELA; ROSSETO, HEBERT LUIS; BASSO, FERNANDA GONCALVES; SCHEFFEL, DEBORA SALLES; HEBLING, JOSIMERI; DE SOUZA COSTA, CARLOS ALBERTO. Chitosan-collagen biomembrane embedded with calcium-aluminate enhances dentinogenic potential of pulp cells. Brazilian Oral Research, v. 30, n. 1 2016. Citações Web of Science: 5.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.