Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação das alterações volumétricas da cavidade nasal decorrente da expansão rápida de maxila assistida cirurgicamente

Processo: 14/10239-3
Modalidade de apoio:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de agosto de 2014
Vigência (Término): 29 de fevereiro de 2016
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia - Cirurgia Buco-maxilo-facial
Acordo de Cooperação: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Pesquisador responsável:Valfrido Antonio Pereira Filho
Beneficiário:Ariane de Souza Oliveira
Instituição Sede: Faculdade de Odontologia (FOAr). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Araraquara. Araraquara , SP, Brasil
Assunto(s):Cirurgia ortognática   Cavidade nasal   Técnica de expansão palatina   Tomografia computadorizada de feixe cônico   Deformidades dentofaciais
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Cavidade Nasal | Tomografia Computadorizada de Feixe Cônico | Via aérea superior | Ortognática

Resumo

Há mais de um século, pesquisadores tiveram seus interesses despertados quanto aos efeitos da expansão rápida da maxila. Este procedimento introduzido por Angell (1860), modifica a forma da maxila, desarticulando a sutura palatina mediana e demais suturas da face, mais especificamente sobre a maxila, que provoca um aumento tanto na dimensão transversa como ântero-posterior. Inúmeros trabalhos têm observado que a resultante desse procedimento imprime mudanças significativas, na maxila e mandíbula, nos incisivos superiores, nos molares de ancoragem e na respiração. A Expansão Rápida Da Maxila Assistida Cirurgicamente (ERMAC) é o método de escolha para o tratamento das discrepâncias transversais maxilomandibulares em pacientes adultos. As alterações esqueléticas que ocorrem com a expansão da maxila podem ser avaliadas por meio de radiografias, porém, apresentam baixa confiabilidade e precisão, devido à sobreposição e projeção de estruturas anatômicas na base do crânio. Após o desenvolvimento da Tomografia Computadorizada De Feixe Cônico (CBCT), tornou-se possível a aquisição de imagens das estruturas do complexo maxilofacial em volume, sendo atualmente a melhor ferramenta disponível para diagnóstico e plano de tratamento das deformidades dentofaciais. O objetivo deste trabalho será o de avaliar as alterações volumétricas da cavidade nasal de 28 pacientes, diagnosticados com deficiência transversa de maxila submetidos a expansão rápida de maxila assistida cirurgicamente, por meio de tomografias volumétricas pertencentes ao arquivo do Serviço de Cirurgia Odontológica da Faculdade de Odontologia de Araraquara - FOAr UNESP. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
OLIVEIRA, Ariane de Souza. Avaliação das alterações volumétricas da cavidade nasal decorrentes da expansão rápida de maxila assistida cirurgicamente. 2016. Dissertação de Mestrado - Universidade Estadual Paulista (Unesp). Faculdade de Odontologia. Araraquara Araraquara.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas utilizando este formulário.