Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo da compartimentalização de Ras em células da linhagem de tumores humanos de mama MDA-MD-231 mediante ativação por doadores de óxido nítrico e pela óxido nítrico sintase induzível

Processo: 13/20633-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de agosto de 2014
Vigência (Término): 31 de julho de 2018
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Bioquímica
Convênio/Acordo: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Pesquisador responsável:Hugo Pequeno Monteiro
Beneficiário:Scheilla Teixeira Strumillo
Instituição-sede: Centro de Terapia Celular e Molecular. Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus São Paulo. São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Óxido nítrico

Resumo

Os primeiros modelos experimentais sobre a compartimentalização de Ras demonstraram que essa proteína regulava a sinalização exclusivamente na membrana plasmática. O desenvolvimento de sondas fluorescentes permitiram avaliar, em células vivas, o momento e a localização em que a proteína Ras estava ativada. Foi demonstrado que dependendo da localização de Ras, ocorria o desencadeamento de vias de sinalização diferentes. Outros estudos confirmaram essas informações e ainda relacionaram a ativação de Ras em determinadas organelas, como por exemplo, o complexo de Golgi à transformação celular. O uso de doadores de óxido nítrico (NO) em linhagens celulares mostraram-se eficazes na ativação e compartimentalização de Ras, a qual foi observada na membrana plasmática e complexo de Golgi. Pretendemos com esse projeto avaliar a compartimentalização de Ras em linhagens celulares de mama normal e tumoral mediante a ativação dessa proteína via doadores de NO ou indução da óxido nítrico sintase induzível (iNOS) e estabelecer uma relação entre a compartimentalização de Ras e desenvolvimento da tumorigênese e invasividade do câncer de mama. (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.