Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação farmacogenética e farmacometabolômica para fármacos anti-hipertensivos

Processo: 13/24440-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado Direto
Vigência (Início): 01 de setembro de 2014
Vigência (Término): 31 de março de 2018
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Clínica Médica
Pesquisador responsável:Paulo Caleb Júnior de Lima Santos
Beneficiário:Carolina Tosin Bueno
Instituição-sede: Instituto do Coração Professor Euryclides de Jesus Zerbini (INCOR). Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP (HCFMUSP). Secretaria da Saúde (São Paulo - Estado). São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:13/09295-3 - Avaliação farmacogenética para fármacos do sistema cardiovascular com foco na implementação, AP.JP
Assunto(s):Farmacogenética   Metabolômica   Anti-hipertensivos   Doenças cardiovasculares

Resumo

As doenças cardiovasculares continuam sendo as principais causas de morte no mundo e a aplicação farmacológica é uma das bases do tratamento que nas últimas décadas foi uma das grandes responsáveis pelas reduções na morbidade e mortalidade. Alguns testes farmacogenéticos já se encontram disponíveis aos profissionais de saúde, e cada vez mais, as agências regulamentadoras observam os avanços tecnológicos e o entendimento da relação fármaco-genômica. Neste projeto, além do estudo de farmacogenética, será abordado o novíssimo campo de pesquisa chamado farmacometabolômica. Esta pode ser conceituada como o conjunto das alterações no metaboloma advindas de tratamentos farmacológicos e, sua abordagem pode esclarecer mecanismos para variações às respostas ao tratamento, ou ainda, entender como as alterações genéticas influenciam nas respostas. Os objetivos principais serão: 1- identificar polimorfismos associados à efetividade no tratamento da hipertensão, aos efeitos adversos medicamentosos ou à resistência ao tratamento; 2- associar as alterações metabolômicas às respostas ao tratamento, aos efeitos adversos, aos hipertensos resistentes, ou aos possíveis efeitos dos polimorfismos analisados. As análises dos genótipos serão realizadas pela tecnologia Taqman® Openarray® e as análises metabolômicas serão realizadas por espectrometria de massas. Serão avaliados 1500 pacientes com hipertensão arterial, os quais foram acompanhados por um período de 24 semanas para os estudos farmacogenéticos e, para a farmacometabolômica serão avaliados 300 pacientes. Os resultados esperados poderão evidenciar: 1- para a farmacogenética, a possibilidade do tratamento personalizado e da identificação de hipertensos resistentes, o que resultaria, no cenário clínico e epidemiológico, na redução de complicações decorrentes da hipertensão e da mortalidade cardiovascular; 2- para a análise metabolômica: poderão esclarecer mecanismos para variações às respostas ao tratamento, ou ainda, entender como as alterações genéticas influenciam nas respostas. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
BUENO, CAROLINA TOSIN; PEREIRA, ALEXANDRE COSTA; SANTOS, HADASSA CAMPOS; GOMEZ GOMEZ, LUZ MARINA; VANCAN RUSSO HORIMOTO, ANDREA ROSELI; KRIEGER, EDUARDO MOACYR; KRIEGER, JOSE EDUARDO; LIMA SANTOS, PAULO CALEB JUNIOR. Association of the genetic ancestry with resistant hypertension in the ReHOT (Resistant Hypertension Optimal Treatment) randomized study. SCIENTIFIC REPORTS, v. 10, n. 1 JAN 30 2020. Citações Web of Science: 0.
DE FARIA, HENRIQUE DIPE; BUENO, CAROLINA TOSIN; KRIEGER, JOSE EDUARDO; KRIEGER, EDUARDO MOACYR; PEREIRA, ALEXANDRE COSTA; JUNIOR LIMA SANTOS, PAULO CALEB; FIGUEIREDO, EDUARDO COSTA. Online extraction of antihypertensive drugs and their metabolites from untreated human serum samples using restricted access carbon nanotubes in a column switching liquid chromatography system. Journal of Chromatography A, v. 1528, p. 41-52, DEC 15 2017. Citações Web of Science: 6.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.