Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeitos do envelhecimento mecânico e degradação hidrotérmica sobre a microestrutura, propriedades ópticas e mecânicas da zircônia de alta translucidez indicada para próteses sem cobertura de porcelana

Processo: 13/22539-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de setembro de 2014
Vigência (Término): 30 de setembro de 2016
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia - Materiais Odontológicos
Convênio/Acordo: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Pesquisador responsável:Gelson Luis Adabo
Beneficiário:Eduardo Mariscal Muñoz
Instituição-sede: Faculdade de Odontologia (FOAr). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Araraquara. Araraquara , SP, Brasil
Assunto(s):Próteses e implantes   Zircônia tetragonal policristalina estabilizada com ítrio (Y-TZP)   Propriedades mecânicas   Propriedades químicas   Propriedades ópticas

Resumo

A zircônia policristalina estabilizada por itria (Y-TZP) permite o desenvolvimento de próteses livres de metais, com propriedades mecânicas superiores às de qualquer outra cerâmica dentária. A sua alta opacidade indica recobrimento com porcelana feldspática para obtenção de melhor resultado estético, e, este parece ser o ponto mais crítico deste tipo de prótese, uma vez que a falha clínica mais comum é o lascamento da porcelana de cobertura. Recentemente, no intuito de eliminar a necessidade do uso de porcelanas, tem-se oferecido Y-TZP com maior translucidez para próteses monolíticas, porém e invariavelmente em meios úmidos a Y-TZP sofre degradação que leva à falha prematura (envelhecimento). Este estudo propõe-se a avaliar os efeitos da degradação por envelhecimento sobre a microestrutura, a resistência à flexão, as propriedades ópticas, a resistência à fadiga e ao desgaste da Y-TZP monolítica. Espécimes cilíndricos (15 mm de diâmetro e 1,2 mm de espessura) de dois sistemas de Y-TZP translúcidas para confecção de peças protéticas monolíticas e duas Y-TZP para infraestrutura protética serão confeccionados e submetidos aos seguintes processos de degradação: ciclagem mecânica; envelhecimento hidrotérmico; associação entre ciclagem mecânica e envelhecimento hidrotérmico; e sem tratamento (controle). Será avaliada a microestrutura e morfologia superficial usando microscopia eletrônica de varredura, a rugosidade (Ra) e do tamanho de grãos por microscopia de força atômica, assim como a composição das fases cristalinas presentes por difração de raios-X. A avaliação das propriedades ópticas de transmitância e refletância nos comprimentos de onda dos 360 - 740 nm se farão pela determinação da transmitância média, refletância média, opacidade (%), translucidez, opalescência e a soma de dispersão de luz. O estudo das propriedades mecânicas se dará pelo ensaio de resistência à flexão biaxial, limite de fadiga e resistência ao desgaste por deslizamento. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
MUNOZ, EDUARDO MARISCAL; LONGHINI, DIOGO; ANTONIO, SELMA GUTIERRES; ADABO, GELSON LUIS. The effects of mechanical and hydrothermal aging on microstructure and biaxial flexural strength of an anterior and a posterior monolithic zirconia. Journal of Dentistry, v. 63, p. 94-102, AUG 2017. Citações Web of Science: 15.
Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
MUÑOZ, Eduardo Mariscal. Efeito do envelhecimento mecânico e degradação hidrotérmica sobre a microestrutura, propriedades ópticas e mecânicas da zircônia monolítica indicada para próteses sem cobertura de porcelana. 2017. 76 f. Tese de Doutorado - Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" Faculdade de Odontologia (Campus de Araraquara)..

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.