Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação do potencial antibacteriano de um vidro bioativo

Processo: 14/10202-2
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de setembro de 2014
Vigência (Término): 31 de março de 2015
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia de Materiais e Metalúrgica - Materiais Não-metálicos
Pesquisador responsável:Edgar Dutra Zanotto
Beneficiário:Lucas Hidalgo Pitaluga
Instituição-sede: Centro de Ciências Exatas e de Tecnologia (CCET). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:13/07793-6 - CEPIV - Centro de Ensino, Pesquisa e Inovação em Vidros, AP.CEPID
Assunto(s):Biovidro   Antibacterianos   Biomateriais

Resumo

Desde a formulação do primeiro biovidro por Larry Hench no final da década de 60, as mais diversas aplicações e variações para este material vêm sido investigadas devido às suas possibilidades de interação com o corpo humano. A aplicação em implantes ortopédicos e dentários de um biovidro de Classe A [1] chamado BSF18 desenvolvido por SOUZA [2] foi estudada por CHINAGLIA [3] durante seu período de doutorado no Laboratório de Materiais Vítreos - DEMa.As propriedades mais conhecidas dos biovidros classe A são aosteoprodução e osteoindução, além de sua capacidade bacteriostática. Resultados obtidos em ALLAN, MARTINS [4], [5] e em trabalhos preliminares de SOUZA [2] e de Camila Pereira Mateus, sua orientanda de iniciação científica no LaMaV-DEMa evidenciam uma maior solubilidade do vidro BSF18 o que sugere uma melhor propriedade antibacteriana. Nesse contexto, o intuito dessa pesquisa é o de se avaliar o potencial bactericida do BSF18 seguindo a norma JIS Z 2801:2010 "Antibacterial products - Test for antibacterial activity and efficacy" e adicionalmente a sua capacidade de inibir a formação de biofilmes. Esse projeto será um complemento ao trabalho de pós-doutorado de Clever Ricardo Chinaglia, sob supervisão do Prof. Dr. Edgar Dutra Zanotto, intitulado "CAMADA DESCONTÍNUA DE VIDRO BIOATIVO CONTENDO PRATA APLICADA SOBRE TITÂNIO PARA MELHORIA DAS SUAS CARACTERÍSTICAS ANTIBACTERIANAS."