Busca avançada
Ano de início
Entree

Análise do transcriptoma de Rhizophora mangle: adaptações de árvores extremófilas em um cenário de mudanças climáticas

Processo: 14/11426-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de setembro de 2014
Vigência (Término): 29 de fevereiro de 2016
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Genética - Genética Vegetal
Convênio/Acordo: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Pesquisador responsável:Anete Pereira de Souza
Beneficiário:Stephanie Karenina Bajay
Instituição-sede: Centro de Biologia Molecular e Engenharia Genética (CBMEG). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Transcriptoma   Rhizophora mangle   Repetições de microssatélites   Adaptação ambiental   Mudança climática

Resumo

Os manguezais são ecossistemas extremamente importantes em termos de biodiversidade aquática e terrestre, possuindo peculiaridades em termos de características e composição de seus habitats, sendo considerado um ambiente extremófilo. A composição arbórea do mangue é restrita a apenas seis espécies evolutivamente adaptadas à complexidade funcional destes ecossistemas. Rhizophora mangle é uma das espécies mais abundantes deste ecossistema e já possui estudos com marcadores microssatélites neutros que apontando uma forte estruturação populacional que divide a espécie em dois grandes grupos no Brasil: um ao norte e outro ao sul do Rio Grande do Norte. O estudo genômico de R.mangle pode fornecer um acréscimo às informações já existentes sobre os mecanismos específicos que influenciam na dinâmica e nas respostas adaptativas desta planta do mangue. Apesar de ser conhecida a importância do mangue na estabilidade geomorfológica da linha de costa, na preservação da biodiversidade e na manutenção dos seus recursos ecossitêmicos, estes ecossistemas estão constantemente ameaçados pelas ações antrópicas e pelas mudanças climáticas globais (MCG). A capacidade de adaptação e regeneração das espécies verdadeiras de mangue face às perturbações e mudanças nas condições ambientais é depende, além das características físico-ambientais de cada ambiente de mangue, das adaptações estruturais em resposta as condições ambientais. Este projeto propõe o sequenciamento do transcriptoma e elaboração do perfil de expressão gênica de indivíduos que caracterizem populações naturais de Rhizophora mangle nos extremo sul e norte da sua ocorrência na costa brasileira. Este estudo visa compreender como diferentes pressões seletivas associadas às MCG podem afetar os padrões e níveis da expressão gênica em populações naturais de Rhizophora mangle, permitindo a elaboração de melhores estratégias para conservação e manejo dos recursos genéticos de R. mangle e de seus habitats. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
BAJAY, STEPHANIE K.; CRUZ, MARIANA V.; DA SILVA, CARLA C.; MURAD, NATALIA F.; BRANDAO, MARCELO M.; DE SOUZA, ANETE P. Extremophiles as a Model of a Natural Ecosystem: Transcriptional Coordination of Genes Reveals Distinct Selective Responses of Plants Under Climate Change Scenarios. FRONTIERS IN PLANT SCIENCE, v. 9, SEP 19 2018. Citações Web of Science: 0.
Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.