Busca avançada
Ano de início
Entree

Dramaturgia evocativa e mitologia pessoal: movimentos de cura na arte-educação

Processo: 14/09063-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de agosto de 2014
Vigência (Término): 31 de julho de 2016
Área do conhecimento:Linguística, Letras e Artes - Artes - Educação Artística
Pesquisador responsável:Marianna Francisca Martins Monteiro
Beneficiário:Mayara Gabaldi Sampaio
Instituição-sede: Instituto de Artes (IA). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de São Paulo. São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Mitologia   Arte-educação   Cura

Resumo

Trata-se de uma pesquisa que tem como foco identificar como é possível conceber um movimento de cura, com base na junção entre os conceitos de dramaturgia evocativa e mitologia pessoal. Eugenio Barba e o conceito de dramaturgia evocativa dão substância às argumentações acerca das ressonâncias íntimas, existentes nas individualidades e no coletivo, e à importância dessas serem evidenciadas durante um processo pedagógico no âmbito das artes. Joseph Campbell traz grande contribuição à perspectiva mitológica, na medida em que esclarece a necessidade do ser na busca de experimentar o que ele denomina como "follow your bliss", ou seja, reconhecer a própria experiência de estar vivo. Por sua vez, a ideia de experiência trazida por Jorge Larrosa Bondía é o que sustenta a pesquisa à medida que esclarece o movimento de cura, o que seria equivalente à chegada do êxtase - a pulsão que gera e o significado viver. A contribuição desta pesquisa, portanto, consiste na articulação destes conceitos à reflexão sobre a prática educativa em teatro. (AU)