Busca avançada
Ano de início
Entree

O clima urbano em Penápolis, SP: análise da temperatura e umidade intraurbana

Processo: 14/05824-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de outubro de 2014
Vigência (Término): 30 de novembro de 2016
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Geociências - Geografia Física
Convênio/Acordo: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Pesquisador responsável:Margarete Cristiane de Costa Trindade Amorim
Beneficiário:Janaína Lopes Moreira
Instituição-sede: Faculdade de Ciências e Tecnologia (FCT). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Presidente Prudente. Presidente Prudente , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):15/19319-2 - O uso da análise estatística para o estudo do clima urbano em Penápolis/SP/Brasil, BE.EP.MS
Assunto(s):Temperatura atmosférica   Umidade atmosférica   Sensoriamento remoto   Planejamento territorial urbano   Qualidade de vida   Penápolis (SP)

Resumo

Nas cidades dos países em desenvolvimento, entre eles o Brasil, o processo de urbanização se desenvolveu privilegiando os interesses do modo de produção capitalista, isto é, as cidades brasileiras surgiram e cresceram de forma rápida e sem planejamento adequado, a fim de atender o contingente populacional oriundo do campo. Para isso, rapidamente foi retirada a cobertura vegetal para a construção das cidades, sendo que os resultados foram grandes alterações nos ambientes naturais e no clima local, além de elevados níveis de degradação ambiental, os quais repercutem negativamente no cotidiano dos citadinos que sofrem com os desconfortos e prejuízos à sua qualidade de vida. Dessa forma, os estudos direcionados à análise do clima urbano podem contribuir com o planejamento e auxiliar na elaboração de políticas públicas para melhorar a qualidade de vida nos centros urbanos. Nesse sentido, este projeto tem como objetivo detectar anomalias térmicas e higrométricas intraurbanas e suas magnitudes na cidade de Penápolis, através de transcetos móveis, imagens de satélite e técnicas de sensoriamento remoto. A pesquisa terá como referência a teoria do sistema clima urbano proposta por Monteiro (1976), com ênfase no que o autor denominou de subsistema termodinâmico. Pretende-se com esta pesquisa verificar o desenho das temperaturas e umidades intraurbanas de acordo com o uso e ocupação da terra, o que poderá contribuir para o planejamento urbano de Penápolis. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)