Busca avançada
Ano de início
Entree

Teoria ator-rede e quantificação em geografia: comparação entre as geografias brasileira e francesa

Processo: 14/18860-9
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Mestrado
Vigência (Início): 01 de novembro de 2014
Vigência (Término): 30 de abril de 2015
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Geografia - Geografia Humana
Pesquisador responsável:Eliseu Savério Sposito
Beneficiário:Jônatas Lima Candido
Supervisor no Exterior: Philippe Martin
Instituição-sede: Faculdade de Ciências e Tecnologia (FCT). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Presidente Prudente. Presidente Prudente , SP, Brasil
Local de pesquisa : Université d'Avignon et des Pays de Vaucluse, França  
Vinculado à bolsa:13/05373-0 - A Teoria Ator-Rede (TAR) como uma possibilidade de compreensão da história do pensamento geográfico, BP.MS
Assunto(s):Brasil   França (país)   Estudo comparativo

Resumo

Esta proposta de estágio vincula-se a um projeto de pesquisa que tem como objetivo testar a Teoria Ator Rede (TAR) como um meio para o estudo da produção do conhecimento geográfico brasileiro. O projeto tem como recorte temporal o período entre o final dos anos 1960 e início dos anos 1980. No decorrer da pesquisa, identificou-se como problema o fato de a TAR fazer uso de metodologias que não são possíveis de serem empregadas aos estudos do passado. Contudo, identificou-se também que na universidade de Avignon há pesquisas em geografia sendo desenvolvidas com emprego de metodologias quantitativas, recebendo destaque semelhante àquele que a geografia brasileira dava a essas metodologias no período pesquisado. Nesse sentido, Avignon constitui-se em um importante laboratório para a pesquisa citada no início. Assim, propõem-se fazer uso das metodologias qualitativas como, por exemplo, a observação participante para se analisar as pesquisas em geografia feitas na universidade de Avignon e testar as possibilidades da TAR para o estudo da produção da geografia. (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.