Busca avançada
Ano de início
Entree

Voláteis da cana-de-açúcar envolvidos na busca hospedeira de inimigos naturais

Processo: 14/19141-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Programa Capacitação - Treinamento Técnico
Vigência (Início): 01 de outubro de 2014
Vigência (Término): 30 de setembro de 2015
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Agronomia - Fitossanidade
Pesquisador responsável:José Maurício Simões Bento
Beneficiário:Camila Serra Colepicolo
Instituição-sede: Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (ESALQ). Universidade de São Paulo (USP). Piracicaba , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:13/05367-0 - Defesas induzidas da cana-de-açúcar contra o ataque múltiplo e a herbivoria radicular, AP.R
Assunto(s):Cotesia flavipes   Olfatometria

Resumo

As plantas emitem voláteis induzidos pela herbivoria não só pelos órgãos aéreos, como também subterrâneos. Os inimigos naturais utilizam estes voláteis liberados pelas plantas como pistas para localizar seu hospedeiro ou presa, principalmente a longas distâncias. O presente projeto tem como objetivo avaliar a atratividade de diversos voláteis de plantas sintéticos na atratividade de inimigos naturais da parte aérea, o parasitoide Cotesia flavipes, e da parte subterrânea, o nematoide entomopatogênico Heterorhabditis sp.. Adicionalmente, será investigada uma questão ecológica interessante: como nematoides edafícolas localizam Diatraea saccharalis, que é comprovadamente hospedeiro, mas está presente na parte aérea da planta. Para tanto, será testada a hipótese de que a herbivoria no colmo da cana altera a emissão de voláteis pelas raízes, que são utilizados como pistas químicas pelos nematoides. Os métodos empregados neste projeto incluem coleta de voláteis por SPME, GC-MS, e ensaios de olfatometria.