Busca avançada
Ano de início
Entree

Análise de risco financeiro considerando incertezas para alocação de geração distribuída em um ambiente de redes inteligentes

Processo: 14/21522-8
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 20 de janeiro de 2015
Vigência (Término): 19 de janeiro de 2016
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Elétrica - Sistemas Elétricos de Potência
Pesquisador responsável:José Roberto Sanches Mantovani
Beneficiário:Augusto César Rueda Medina
Supervisor no Exterior: Yong Fu
Instituição-sede: Faculdade de Engenharia (FEIS). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Ilha Solteira. Ilha Solteira , SP, Brasil
Local de pesquisa : Mississippi State University (MSU), Estados Unidos  
Vinculado à bolsa:12/15210-8 - Reserva de potência ativa para controle de frequência e suporte de potência reativa fornecidos por geradores distribuídos, BP.PD
Assunto(s):Análise de risco   Geração distribuída

Resumo

Os benefícios que a geração distribuída pode trazer para os sistemas elétricos sugerem que ela poderia fornecer energia não apenas para satisfazer as cargas e as perdas do sistema, mas também outros serviços essenciais, necessários para garantir a estabilidade e segurança do sistema, conhecidos como serviços ancilares. Porém, para considerar a geração distribuída como uma alternativa confiável, as incertezas dos geradores distribuídos baseados em fontes de energia renováveis com alto grau de variabilidade devem ser reduzidas através do desenvolvimento e aplicação de modelos de previsão precisos e eficientes. Além disso, problemas operacionais podem ocorrer se os geradores distribuídos não são alocados corretamente, e os investidores devem equilibrar risco e ganho através de uma análise de risco financeiro.Neste projeto de pesquisa, modelos matemáticos considerando geração distribuída e técnicas de otimização serão abordados em um ambiente de redes inteligentes (ou de smart grids). Modelos de fontes renováveis (modelos eólicos e hidrológicos) considerando variáveis climáticas, um modelo de mercado de energia para satisfazer as cargas e as perdas do sistema, uma estrutura de mercado de co-otimização para reservas para controle de frequência fornecidos pela geração distribuída, e uma metodologia de análise de risco financeiro para prover sinais para o investimento em nova capacidade de geração distribuída, serão desenvolvidos e aprimorados. Solvers de optimização e meta-heurísticas serão utilizadas para a solução do problema proposto. (AU)